Meteorologia

  • 24 OUTUBRO 2021
Tempo
15º
MIN 13º MÁX 25º

Edição

Mulher de 34 anos morta a tiro pelo ex-companheiro em França

Julie era mãe de dois filhos.

Mulher de 34 anos morta a tiro pelo ex-companheiro em França

Este domingo, dia 3 de março, uma mulher de 34 anos foi morta a tiro pelo ex-companheiro em Ile-Rousse, França.

Julie Douib foi morta a tiro na casa onde vivia, após ter-se separado do marido com quem vivia há cerca de 12 anos. A mulher era mãe de dois meninos de 8 e 10 anos, que, segundo a imprensa local, não terão assistido ao crime.

Terá sido o próprio suspeito a apresentar-se à polícia e a confessar o crime. O homem é Bruno Garcia, de 45 anos. Bruno tem, segundo o Notícias ao Minuto conseguiu apurar, nacionalidade francesa, sendo natural da Córsega. 

O casal vivia junto há 12 anos, sendo que era frequente discutirem e Bruno expulsar a mulher de casa. A última discussão remonta a setembro de 2018, altura em que a mulher decidiu sair definitivamente da casa de Bruno. Os dois estariam em fase de negociações para decidir quem ficava com a guarda das crianças, sendo que até ao momento os meninos permaneciam na casa do pai.

Vizinhos reportam que a jovem mãe, que tinha um negócio próprio de bijutaria, era vitima de violência doméstica há vários anos e que já havia denunciado o caso por diversas vezes. Esta situação está a causar muita revolta junto da comunidade local, que não aceita o facto de as autoridades nada terem feito para impedir que o crime acontecesse.

Uma marcha silenciosa em homenagem a Julie e a todas as vítimas de violência doméstica - só este ano já morreram 30 mulheres vítimas deste crime em França - realizar-se-á no sábado, com a presença da família da vítima. 

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório