Meteorologia

  • 02 ABRIL 2020
Tempo
11º
MIN 7º MÁX 19º

Edição

Em dois meses já houve mais casos de sarampo nos EUA do que em 2017

Especialistas culpam discurso anti-vacinas pelo fenómeno.

Em dois meses já houve mais casos de sarampo nos EUA do que em 2017

Em apenas dois meses, já se registaram mais casos de sarampo nos Estados Unidos do que em todo o ano de 2017.

Os números foram hoje apresentados por especialistas numa comissão sobre saúde no congresso norte-americano. Entre as causas apontadas para o fenómeno está a propagação de desinformação promovidas por movimentos anti-vacinas.

A Associated Press nota que, no ano 2000, o sarampo foi dado como erradicado no país, por ausência de surtos. Ao longo das últimas quase duas décadas, porém, o fenómeno está a aumentar. E 2019 dá sinais de ser um ano em que tal será particularmente evidente.

Entre o painel de especialistas que responderam às perguntas de congressistas estava Anthony Fauci, responsável pelo departamento de infecciologia do instituto nacional de saúde norte-americano.

Para este médico, é "inaceitável" o aumento do número de casos porque a vacina existente é eficaz e segura. 

Frank Pallone, dos democratas, realçou ainda que "este é um assunto de saúde pública para o qual a ciência já tem solução".

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório