Meteorologia

  • 20 MARçO 2019
Tempo
19º
MIN 19º MÁX 20º

Edição

Jovem é morto por seis polícias nos EUA. Vídeo mostra "execução"

O caso da morte de Willie McCoy promete ser mais um caso polémico sobre violência policial contra afro-americanos. Alertamos que as imagens podem ferir a suscetibilidade dos leitores mais sensíveis.

Notícias ao Minuto

08:54 - 18/02/19 por Notícias Ao Minuto 

Mundo Willie McCoy

A morte do aspirante a rapper Willie McCoy está a ser descrita pela família como uma "execução por pelotão de fuzilamento".

Seis agentes da polícia de Vallejo, no Estado norte-americano da Califórnia, mataram o jovem de 20 anos com uma salva de tiros. Sabe-se apenas que este estaria a dormir dentro do carro junto a um restaurante Taco Bell.

No vídeo acima, filmado à distância por uma testemunha e colocado no YouTube, é possível ouvir entre 12 a 20 tiros, disparados pelos agentes. A testemunha descreve que alguém "não quer sair do carro", não se sabendo porquê, e depois, em segundos, uma intensa rajada de tiros.

Quando pararam de disparar, ouve-se gritar: "Deixa-me ver as tuas mãos! Põe as mãos no ar!"

"Esta foi uma morte cruel por pelotão de fuzilamento. Ele foi executado. Balearam-no tantas vezes", afirmou David Harrison, primo da vítima, ao Guardian.

A polícia indicou que foi chamada ao local por um funcionário do restaurante, que alegava que o jovem estava "inclinado para a frente" dentro do carro e que tinha uma arma no colo. Os agentes confirmaram que Willie McCoy estava a dormir, mas afirmaram que o jovem pegou na arma assim que a polícia o tentou acordar.

Os agentes defendem que dispararam por "medo e para sua própria segurança", segundo o indicado por um porta-voz das autoridades.

Alertamos que as imagens podem ferir a suscetibilidade dos leitores mais sensíveis.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório