Meteorologia

  • 20 MARçO 2019
Tempo
19º
MIN 19º MÁX 20º

Edição

Menos Coletes Amarelos em protesto nas ruas contra Macron

Milhares de Coletes Amarelos participaram hoje, em pelo menos vinte cidades de toda a França, no décimo quarto fim de semana consecutivo de protestos dirigidos muito particularmente contra a política do presidente Emmanuel Macron.

Menos Coletes Amarelos em protesto nas ruas contra Macron
Notícias ao Minuto

17:45 - 16/02/19 por Lusa

Mundo França

Segundo o Ministério do Interior, às 14:00, hora local (13.00 GMT), estavam na rua 10.200 manifestantes, um número ainda assim inferior aos 12.100 que foram contabilizados no sábado passado, à mesma hora.

No final do dia, há uma semana, o departamento de Interior disse que tinha havido 51.400 Coletes Amarelos a manifestarem-se nas ruas, mas os organizadores rebateram estes números e disseram que tinham sido 118.200.

Em Paris, segundo as forças da ordem, a concentração reunia hoje, às 14:00, 3.000 pessoas (1.000 menos que uma semana antes), houve poucos incidentes e os que existiram foram de pouca gravidade durante a manifestação.

A situação começou, porém, a mudar às 16:00 (15:00 GMT) na esplanada dos Inválidos, o lugar onde deveria dissolver-se a concentração, com confrontos de alguns com os agentes anti-distúrbios que lançavam gases lacrimogénios.

A manifestação tinha começado pouco despois do meio dia à volta do Arco do Triunfo e, perante a impossibilidade de serem percorridas a avenida dos Campos Elíseos em direção ao Palácio do Eliseu e à Praça da Concórdia (porque o acesso estava cortado com barreiras policiais), continuou seguindo as margens do rio Sena.

Percorreu igualmente algumas avenidas do Bairro Latino e do distrito VII, até chegar à esplanada dos Inválidos.

Nos cartazes dominavam as mensagens a exigir a demissão do presidente Macron, mas também algumas contra a "violência policial" e contra os impostos.

Durante o desfile houve momentos de tensão, como os que aconteceram junto ao Jardim do Luxemburgo, quando um pequeno grupo de manifestantes partiu a montra de um McDonald's.

Fora de Paris, à tarde ainda houve concentrações com vários milhares de pessoas em outras cidades como Marsella, Burdéus, Toulouse - onde se verificaram também algumas alterações a meio da tarde - como em Lyon - com cortes na autoestrada A7-.

Tal como nas últimas semanas, nem a Prefeitura de Polícia nem o Ministério do Interior quiseram dar até agora o total do dispositivo policial para fazer frente aos distúrbios.

Contudo, sabe-se que em Paris foram mobilizados quatro blindados da polícia e outros dois em Toulouse e que desde primeira hora da manhã fazem controles em vários troços de autoestradas de acesso à capital.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório