Meteorologia

  • 21 OUTUBRO 2019
Tempo
17º
MIN 11º MÁX 19º

Edição

Diminuição do número de insetos pode fazer "colapsar" a natureza

A velocidade de extinção é oito vezes maior do que a dos mamíferos, pássaros e répteis.

Diminuição do número de insetos pode fazer "colapsar" a natureza

A população global de insetos pode desaparecer no espaço de 100 anos. Um século, é o que lhes poderá restar. Este é o primeiro resultado de um estudo científico baseado em anos de investigação às populações de insetos. Segundo a pesquisa, esse caminho para a extinção pode provocar um "colapso catastrófico dos ecossistemas naturais".

O relatório, feito por Francisco Sanchez-Bayo e Kris AG Wyckhuys, analisou vários estudos publicados sobre insetos ao longo de 40 anos e descobriu que mais de 40% das espécies extinguiram-se nas décadas seguintes.

A análise foi publicada na revista 'Biological Conservation' e aponta como principais fatores a agricultura intensiva e o uso de pesticidas. A urbanização e as alterações climáticas são também considerados fatores significativos.

A velocidade de extinção é oito vezes mais rápida do que no caso dos mamíferos, pássaros e répteis. Sendo que este tipo de animais são essenciais para o funcionamento dos ecossistemas, destacam os investigadores, como comida para outras criaturas, criadores de pólen e recicladores de nutrientes.

"A menos que mudemos a nossa forma de produção de alimentos, insetos como um todo vão entrar no caminho da extinção em poucas décadas", escrevem na conclusão, acrescentando que "as repercussões que isso terá para os ecossistemas do planeta serão catastróficas, no mínimo".

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório