Meteorologia

  • 19 MAIO 2019
Tempo
14º
MIN 13º MÁX 16º

Edição

Com saída dos EUA da Síria, ISIS vai recuperar terreno e anunciar vitória

Conclusões são de relatório de inspetor-geral do Pentágono.

Com saída dos EUA da Síria, ISIS vai recuperar terreno e anunciar vitória
Notícias ao Minuto

17:07 - 04/02/19 por Pedro Filipe Pina 

Mundo Pentágono

O anúncio da retirada dos Estados Unidos da Síria continua a gerar debate e a ter repercussões no terreno.

Foi Donald Trump quem anunciou a saída num primeiro momento. As críticas e alertas posteriores levaram o presidente norte-americano a optar por aligeirar o tema, esclarecendo que não seria uma retirada imediata. Ainda assim, a decisão dos EUA parece ter dois potenciais efeitos práticos.

Um relatório do inspetor-geral do Pentágono, de que a CNN dá conta, aborda esta questão.

Em 2014, o autoproclamado Estado Islâmico governava com brutalidade vastas regiões da Síria e do norte do Iraque.

Nos últimos dois anos, o ISIS perdeu boa parte do seu território, após ver-se cercado por tropas do regime sírio, curdos, bem como a pressão de potências externas, como a Rússia, a Turquia e a coligação internacional liderada pelos EUA.

Apesar das perdas, o ISIS continua 'vivo'. E este relatório realça que o grupo "insurgente" continua "ativo", tanto na Síria como no Iraque.

A saída dos EUA poderá ser uma oportunidade para reconquistar terreno: "O ISIS poderá levar a cabo ataques oportunistas a staff norte-americano enquanto estes saem do país".

Para além do mais, o ISIS vai tentar aproveitar a decisão norte-americana de sair da Síria para anunciar nos seus próprios meios - e a máquina de propaganda do autoproclamado Estado Islâmico continua igualmente ativa - para promover a saída de operacionais dos EUA do terreno como uma 'vitória'. 

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório