Meteorologia

  • 21 OUTUBRO 2021
Tempo
18º
MIN 15º MÁX 22º

Edição

Jovem de 16 anos "silencia sala" em Davos. "A nossa casa está a arder"

Jovem ativista Greta Thunberg, de 16 anos, volta a discursar (e a chamar a atenção) sobre as alterações climáticas. "Não quero que sejam esperançosos. Quero que vocês entrem em pânico. Quero vocês sintam o medo que eu sinto todos os dias", enfatizou ao discursar no Fórum Económico Mundial, em Davos.

Jovem de 16 anos "silencia sala" em Davos. "A nossa casa está a arder"

Num evento repleto de grandes personalidades e líderes mundiais, foi uma adolescente de 16 anos quem fez o discurso mais inspirador e incisivo sobre alterações climáticas.

Greta Thunberg, de 16 anos, falou sobre o mesmo tema no Fórum Económico Mundial, em Davos, na Suíça, e “silenciou a sala”, conforme descreveu Mark Okerstrom, CEO do Expedia Group, à AFP.

“A nossa casa está a arder. Estou aqui para dizer isso, a nossa casa está a arder”, começou por dizer, explicando que a Humanidade está a “menos de 12 anos de não conseguir reverter os erros”.

Thunberg, que em agosto do ano passado chamou a atenção no seu país ao organizar protestos escolares pelo clima, em frente ao parlamento sueco, falou sobre o “custo impensável” dos “sucessos financeiros” das pessoas que falam em locais como o Fórum Económico Mundial e pediu para que sejam reconhecidos “os falhanços gerais dos sistemas atuais”.

Notícias ao MinutoJovem a protestar em Estocolmo, em dezembro de 2018, em frente ao parlamento sueco. "Greve escolar pelo clima", lê-se no cartaz.© Reuters

A adolescente sublinhou que “todos temos uma escolha”. “Podemos criar ação transformadora que possa salvaguardar as condições de vida de gerações futuras. Ou podemos continuar com a nossa vida normal e falhar”, afirmou.

“Os adultos continuam a dizer que devemos dar esperança aos jovens. Mas eu não quero a vossa esperança. Não quero que sejam esperançosos. Quero que vocês entrem em pânico. Quero vocês sintam o medo que eu sinto todos os dias”, indicou a jovem, num discurso a que pode aceder no Guardian.

“Quero que vocês ajam como agiriam numa crise. Quero que ajam como se a vossa estivesse a arder. Porque está”, terminou.

Já não é a primeira vez que a sueca Greta Thunberg granjeia de atenção mundial, tendo sido destaque também na Cimeira das Nações Unidas sobre o clima, na Polónia, em dezembro do ano passado. Na altura com 15 anos, Greta acusou os líderes mundiais de não serem “maduros o suficiente”, vaticinando que as consequências do ambiente são "um fardo" que será colocado nas mãos das crianças.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório