Meteorologia

  • 15 OUTUBRO 2019
Tempo
14º
MIN 12º MÁX 20º

Edição

Condutor Uber que matou seis pessoas deu-se como culpado

Jason Dalton disse que a aplicação controlou-o e obrigou-o a cometer os crimes.

Condutor Uber que matou seis pessoas deu-se como culpado

O condutor da Uber que disparou sobre oito pessoas em Kalamazoo County, Estados Unidos, em 2016 deu-se como culpado do homicídio de seis pessoas e da tentativa de homicídio de duas pessoas esta segunda-feira durante o julgamento, avança a Sky News.

No dia 20 de fevereiro de 2016, Jason Dalton disparou uma arma de fogo em três locais diferentes. Depois de ser detido, o homem disse aos agentes da polícia que uma “figura diabólica” na aplicação estava a controlá-lo.

No relatório da polícia, pode ler-se que Dalton afirma que um ícone na app que normalmente aparece a vermelho “mudou para preto” e uma “figura diabólica (...) dava uma tarefa e, literalmente, possuía” o seu corpo.

A sentença de Jason Dalton será conhecida a 5 de fevereiro.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório