Meteorologia

  • 16 JULHO 2019
Tempo
18º
MIN 17º MÁX 19º

Edição

Comentadora anti-vacinação morreu aos 26 anos vítima de Gripe A

Bre Payton era uma comentadora conservadora que se posicionava abertamente contra as vacinas.

Comentadora anti-vacinação morreu aos 26 anos vítima de Gripe A

Bre Payton, comentadora e redatora da ‘The Federalist’, uma publicação conservadora online, morreu no passado dia 28 de dezembro. A notícia da sua morte foi dada pela publicação no mesmo dia, indicando que a norte-americana tinha sucumbido a uma “doença súbita”.

Os colegas da comentadora haviam antes indicado através das redes sociais que esta tinha sido encontrada no seu quarto por uma amiga, no dia anterior à sua morte, quase sem respirar e sem reagir. Os exames revelaram que Bre tinha Gripe A (H1N1) e meningite.

A notícia da morte de Bre volta agora a ser falada porque a também comentadora ocasional da Fox News era anti-vacinação, definindo as vacinas como “o demónio”, conforme pode ver abaixo.

Algumas publicações, como o El Mundo, esclarecem que a vacinação ou o tratamento adequado dos seus sintomas poderiam ter-lhe salvo a vida.

Recorde-se que a Gripe A, na maioria dos casos, apresenta-se como uma vulgar constipação (febre, dores no corpo, tosse, expetoração, pingo do nariz) ou gastroenterite (febre, diarreia, vómitos). Já existe uma vacina contra esta estirpe da gripe. A meningite também conta com significativos progressos em termos de tratamento antibiótico, embora a taxa de mortalidade inerente a esta infeção permaneça elevada, entre 5 e 15%.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório