Meteorologia

  • 23 ABRIL 2019
Tempo
11º
MIN 10º MÁX 12º

Edição

Rússia nega envolvimento nos protestos dos coletes amarelos em França

A Rússia negou hoje qualquer envolvimento nos protestos dos "coletes amarelos" em França e garantiu que qualquer declaração em sentido oposto é uma "calúnia".

Rússia nega envolvimento nos protestos dos coletes amarelos em França
Notícias ao Minuto

13:37 - 10/12/18 por Lusa

Mundo "Calúnia"

"Qualquer declaração sobre um possível envolvimento da Rússia (nos protestos em França) não passa de uma calúnia", disse o porta-voz da Presidência russa, Dmitri Peskov, aos jornalistas.

Peskov sublinhou que tudo o que acontece em França é um "assunto interno" daquele país.

"Não interferimos e não interferiremos nos assuntos internos de outros países, incluindo a França", disse.

Peskov acrescentou que a Rússia "dá grande importância" às relações com a França, indicando que "as duas partes trabalham intensamente".

"Portanto, temos uma atitude de respeito pela soberania de França e estamos agradecidos quando o lado francês responde com reciprocidade a esse nível", afirmou.

Alguns meios de comunicação ocidentais apontaram que centenas de contas no Twitter relacionadas com a Rússia teriam manipulado a rede social para alimentar o movimento dos "coletes amarelos".

O ministro dos Negócios Estrangeiros de França, Jean-Yves Le Drian, declarou num programa de televisão que há uma investigação sobre uma suposta manipulação estrangeira do Twitter.

O movimento dos "coletes amarelos" começou há quatro semanas a manifestar-se por toda a França, em protestos convocados nas redes sociais contra o aumento do preço dos combustíveis, alvo que foi depois alargado ao aumento do custo de vida e à perda de poder de compra.

Perto de 2.000 pessoas foram identificadas em França no sábado, das quais mais de 1.700 foram detidas, no âmbito das manifestações dos "coletes amarelos", indicou hoje o Ministério do Interior. Durante os protestos ficaram feridas 135 pessoas, 17 das quais polícias.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório