Meteorologia

  • 14 DEZEMBRO 2018
Tempo
11º
MIN 11º MÁX 11º

Edição

Beanie, a cadela que não quer ser comida por coiotes e outros animais

A imagem de uma chihuahua com um colete de kevlar com picos de metal tornou-se viral nos Estados Unidos.

Beanie, a cadela que não quer ser comida por coiotes e outros animais
Notícias ao Minuto

13:08 - 07/12/18 por Notícias Ao Minuto 

Mundo Viral

No início desta semana, as redes sociais foram ‘abaladas’ pela imagem de uma cadela com um colete estranho. Destacava-se pela sua cor rosa néon, picos de metal e com arames laranja e o tweet publicado pela sua dona, Amina Akhtar, tornou-se viral e já conta com 103 mil gostos.

Muitos utilizadores começaram a fazer montagens da imagem e a colocar a pequena chihuahua nos mais diversos cenários, como o mundo pós-apocalíptico de ‘Mad Max’.

O colete não é uma questão de moda, tem isso sim uma explicação prática, revelada pelo The Atlantic. A cadela chama-se Beanie e tem oito anos.

O colete foi a solução encontrada por Amina Akhtar para proteger a sua patuda da perigosa vida selvagem de Sedona, no Arizona, junto ao deserto de Sonora.

“Tenho de ter cuidado com o zoo lá fora. Temos coiotes e linces”, frisa Amina Akhtar. Além disso, como é uma cadela que tem pouco peso também há o risco de ser picada por falcões ou até de a agarrarem com as garras nas patas e levarem-na.

Fez uma pesquisa e encontrou este colete de uma empresa chamada Coyote Vest, fundada por Paul Mott, cuja cadela morreu na sequência do ataque de um coiote. Os preços dos coletes podem variar e o preço mínimo é de 100 dólares (cerca de 88 euros).

O colete dá um choque se for mordido e por um valor extra os donos podem pedir o colete com os arames que se vêem na imagem de Beanie.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório