Meteorologia

  • 22 ABRIL 2019
Tempo
17º
MIN 14º MÁX 21º

Edição

Há dois americanos sob suspeita em caso de missionário morto por tribo

John Allen Chau queria evangelizar uma das tribos mais isoladas do mundo. Acabou morto.

Há dois americanos sob suspeita em caso de missionário morto por tribo
Notícias ao Minuto

17:30 - 03/12/18 por Pedro Filipe Pina 

Mundo Sentinela do Norte

No passado mês de dezembro, John Allen Chau, um norte-americano de 26 anos, foi morto após tentar evangelizar uma tribo isolada na ilha de Sentinela do Norte.

São estritamente proibidas as idas à ilha por parte das autoridades indianas. O objetivo passa por proteger a tribo que ali habita e que poderia correr risco de vida ao entrar em contacto, sem a devida imunização. com populações de fora da ilha.

Ao longo dos séculos, a população da Sentinela do Norte tem evitado o contacto de outras populações. Em anos recentes chegou a ser notícia a morte de dois pescadores que naufragaram e foram ali parar, acabando por serem mortos pela tribo local.

Chau terá recebido formação como missionário por parte do grupo All Nations, um grupo evangélico natural do Kansas. Embora fosse proibida a presença na ilha, o missionário tentou encontrar em contacto com a tribo e acabou morto.

As autoridades indianas admitem, mais de duas semanas após o ocorrido, que será difícil resgatar o corpo do missionário. Entretanto, há um casal de norte-americanos sob suspeita, como deu conta à AFP o responsável pela polícia local, Dependra Pathak.

O casal de suspeitos terá viajado até à Índia para dar apoio a Chau e entretanto já terá deixado o país. O casal será igualmente evangélico e é suspeito de ter incentivado Chau na sua expedição ilegal - e fatal.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório