Meteorologia

  • 26 ABRIL 2019
Tempo
13º
MIN 12º MÁX 14º

Edição

Pais descobrem que gargalhadas dos filhos eram afinal uma doença

Gemma e Ed Young achavam que gargalhadas eram sinal de que o filho era feliz. Afinal, estava a sofrer.

Pais descobrem que gargalhadas dos filhos eram afinal uma doença
Notícias ao Minuto

12:30 - 27/11/18 por Notícias Ao Minuto 

Mundo Relato

Gemma e Ed Young partilharam com o Mirror o susto que viveram quando descobriram que o filho Jack padecia de um tumor cerebral. O facto de estar constantemente a rir era um sintoma da doença, mas sem noção disso achavam simplesmente que este sorria por estar feliz.

Os sons que pareciam gargalhadas tiveram início logo às duas semanas de vida, conta o casal de Winscombe, no Reino Unido. No entanto, estas tornaram-se tão frequentes que o menino era capaz de se rir desde o momento em que acordava até ao momento em que, finalmente, adormecia.

Depois de se tornarem demasiado repetitivas, os pais consultaram um médico que descobriu que as gargalhadas eram desencadeadas por um hamartoma hipotalâmico, um tumor cerebral benigno que causa convulsões epilépticas “gelásticas” - também conhecidas como “convulsões risonhas”.

Aos dois anos de idade, Jack foi sujeito a uma operação de dez horas para retirar o tumor. 

Saliente-se que esta é uma condição rara que acontece em uma criança por cada mil que sofrem deste tumor. 

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório