Meteorologia

  • 19 ABRIL 2019
Tempo
13º
MIN 12º MÁX 14º

Edição

Aceno ou saudação nazi? Foto de turma de escola do Wisconsin investigada

Fotógrafo diz que alunos estavam só a levantar as mãos, mas alunos da mesma instituição escolar queixam-se de comportamentos menos positivos. Polícia e administração escolar investigam.

Aceno ou saudação nazi? Foto de turma de escola do Wisconsin investigada

Uma imagem de um grupo de estudantes do ensino secundário a fazer um gesto que se assemelha à saudação nazi está a gerar alguma disputa. A fotografia, que mostra uma turma da escola secundária de Baraboo, em Wisconsin, é agora alvo de investigação pela polícia e pela administração escolar local.

A imagem começou a circular no Twitter e gerou controvérsia, com uma associação ligada ao Holocausto a pedir apuramento de responsabilidades. De acordo com a CNN, a fotografia não foi tirada dentro da escola ou num evento escolar, mas antes num evento privado que se destinava a celebrar o término do curso.

Publicada com uma hashtag onde se lia “orgulho de Baraboo”, acabou por ser retirada da internet.

Lori Mueller, responsável pelo agrupamento de escolas daquele distrito, indicou, através de um carta enviada aos pais, que a administração ficou chocada com a imagem e está a trabalhar com as autoridades para perceber o que se passou.

A polícia de Baraboo também confirmou que está a investigar o caso.

Um dos alunos, que não está com a mão levantada, indicou à CNN que o fotógrafo pediu aos estudantes que levantassem as mãos, mas não de uma maneira específica. Ainda assim, referiu que o resultado o deixou perturbado.

O fotógrafo, por seu turno, justificou à WISN, que as críticas à imagem são infundadas, defendendo que apenas pediu para que os alunos levantassem a mão. “Não houve saudação nazi”, indicou.

Alguns alunos daquela instituição escolar, porém, já recorreram às redes sociais para relatar episódios de racismo e xenofobia ocorridos na escola, como filmarem alunos latinos com legendas como "mexicanos sujos a aproximar-se" e ouvir-se gritos de “poder branco”.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório