Meteorologia

  • 13 DEZEMBRO 2018
Tempo
13º
MIN 13º MÁX 13º

Edição

Morreu Stan Lee, o criador de super-heróis

Stan Lee, co-criador da Marvel, morreu aos 95 anos de idade. O escritor de banda desenhada tornou-se num ícone da pop culture.

Morreu Stan Lee, o criador de super-heróis
Notícias ao Minuto

18:48 - 12/11/18 por Notícias Ao Minuto 

Mundo Marvel

Stan Lee morreu esta segunda-feira aos 95 anos de idade, no hospital Cedars-Sinai, em Los Angeles, diz o site de entretenimento TMZ.

O criador de banda desenhada por excelência e um ícone da pop culture, Stan Lee foi levado para o hospital esta segunda-feira de manhã e acabaria por morrer pouco tempo depois.

O co-criador e antigo diretor executivo da Marvel Comics já sofria de problemas de saúde há alguns anos, tendo neste último combatido uma pneumonia.

Stan Lee, em conjunto com Jack Kirby e Steve Ditko, é autor de grande parte das referências atuais da cultura da banda desenhada.

Criou a maior parte dos super-heróis da Marvel, como o Homem Aranha, Hulk, Doctor Strange, O Quarteto Fantástico, Daredevil, Black Panther ou X-Men. Criou também, juntamente, com Larry Lieber, o Homem Formiga, Thor e o Iron Man.

Os últimos anos da vida do criador de super-heróis não foram particularmente fáceis. Em 2017, perdeu a sua esposa, Joan, com quem esteve casado 69 anos. No mesmo ano processou por fraude os executivos da empresa POW! Entertainment, que ele próprio fundou, e desistiu do processo apenas semanas depois.

Chegou a processar o seu antigo gestor de negócio e viu-se obrigado a pedir uma ordem de restrição contra o responsável pela sua fortuna (estimada em 70 milhões de dólares).

Em junho deste ano, já com a saúde muito debilitada, soube-se que a polícia de Los Angeles estava a investigar uma denúncia de que Stan Lee estaria a sofrer abusos. 

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório