Meteorologia

  • 15 NOVEMBRO 2018
Tempo
12º
MIN 12º MÁX 13º

Edição

Estado Islâmico reivindica ataque em Melbourne

Ataque terá sido cometido por um lobo solitário, pertencente ao grupo terrorista.

Estado Islâmico reivindica ataque em Melbourne
Notícias ao Minuto

11:49 - 09/11/18 por Notícias Ao Minuto com Lusa 

Mundo Austrália

O autodesignado Estado Islâmico reivindicou o ataque que aconteceu, esta manhã, em Melbourne, que provocou a morte a pelo menos uma pessoa. Outras duas pessoas ficaram feridas.

O grupo terrorista alega que o ataque foi cometido por um dos seus "militantes", um homem nascido na Somália que acabou por ser abatido pela polícia.

"O autor da operação de [...] esfaqueamento em Melbourne é um dos combatentes do Estado Islâmico", disse "uma fonte de segurança" a Amaq, segundo um comunicado da agência difundido através do serviço de mensagens Telegram e cuja autenticidade não pode ser verificada.

"Trata-se de uma resposta para atacar os cidadãos da coligação", acrescenta a nota, numa alusão à aliança de países que luta contra os 'jihadistas' na Síria e no Iraque, liderada pelos Estados Unidos e de que a Austrália faz parte.

Recorde-se que a polícia australiana já tinha informado que o incidente, em que um homem oriundo da Somália esfaqueou três pessoas na cidade de Melbourne e conduziu um carro carregado de cilindros de gás a que pegou fogo, estava a ser tratado como um ato terrorista.  

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório