Meteorologia

  • 19 OUTUBRO 2018
Tempo
20º
MIN 19º MÁX 21º

Edição

Conselho de Direitos Humanos da ONU renova composição e suscita críticas

Um terço dos assentos do Conselho de Direitos Humanos da ONU foi hoje renovado com a eleição de 18 novos membros para um mandato de três anos (2019-2021), mas a eleição de alguns países está a suscitar críticas.

Conselho de Direitos Humanos da ONU renova composição e suscita críticas
Notícias ao Minuto

19:41 - 12/10/18 por Lusa

Mundo 18 membros

Entre os lugares hoje atribuídos do órgão com sede em Genebra que conta com um total de 47 membros, cinco são da região de África (Burkina Faso, Camarões, Eritreia, Somália e Togo), cinco são da Ásia-Pacífico (Bahrein, Bangladesh, Fidji, Índia e Filipinas), dois são da Europa de Leste (Bulgária e República Checa), três são da América Latina-Caraíbas (Argentina, Bahamas e Uruguai) e três da Europa Ocidental e outros (Áustria, Dinamarca e Itália).

Pela primeira vez desde a criação do Conselho, em 2006, cada região envolvida na votação de hoje acordou previamente os candidatos, evitando desta forma qualquer competição entre Estados.

Apesar deste acordo, a eleição de alguns países (Filipinas, Bahrein, Camarões, Eritreia, Somália e Bangladesh) está a suscitar fortes críticas de organizações internacionais de defesa dos direitos humanos.

Segundo a agência francesa AFP, várias organizações não-governamentais (ONG) europeias, norte-americanas e canadianas afirmaram que estes seis países "não estão qualificados" para se sentarem neste Conselho, criado para promover e proteger os direitos humanos em todo o mundo, devido à sua atuação nesta matéria.

Para ser eleito era necessária uma maioria de 97 votos entre os 193 países que compõem as Nações Unidas.

Todos os países-membros das Nações Unidas são elegíveis ao Conselho de Direitos Humanos.

Os Estados Unidos retiraram-se em junho passado do Conselho de Direitos Humanos da ONU, acusando então o órgão de "hipocrisia", nomeadamente em relação a Israel, o reconhecido aliado de Washington.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório