Meteorologia

  • 17 OUTUBRO 2018
Tempo
13º
MIN 11º MÁX 15º

Edição

Cineasta australiano condenado no Camboja recebe perdão

O cineasta australiano James Ricketson, que foi condenado a seis anos de prisão no Camboja por ter feito voar um 'drone' sobre um protesto da oposição cambojana, foi hoje perdoado.

Cineasta australiano condenado no Camboja recebe perdão
Notícias ao Minuto

13:00 - 21/09/18 por Lusa

Mundo James Ricketson

"James Ricketson foi perdoado", disse o seu advogado, Kong Sam Onn, à agência de notícias francesa AFP.

O cineasta estava preso desde junho de 2017 por ter feito voar um 'drone' durante uma manifestação do principal partido da oposição no Camboja, onde o australiano vivia há vários anos.

Esta ação do australiano foi comparada a espionagem, de acordo com o juiz que pronunciou o veredito em agosto, já que o cineasta estaria "a recolher informações suscetíveis de afetar a segurança nacional".

Isso foi comparado à espionagem, com o juiz a invocar no veredito de agosto um "conjunto de informações que provavelmente afetariam a segurança nacional".

O australiano deve ser libertado, na sequência desta decisão de perdão.

Este anúncio ocorreu alguns dias após a libertação sob caução do líder do principal partido da oposição, Kem Sokha. O opositor continua a ser acusado de espionagem para os Estados Unidos e arrisca vários anos de prisão.

Esta não é a primeira vez que o cineasta é confrontado com a justiça cambojana. Em 2014, o australiano foi condenado a dois anos de prisão com pena suspensa porque ameaçou difundir acusações de que uma igreja no Camboja havia vendido crianças.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório