Meteorologia

  • 16 NOVEMBRO 2018
Tempo
14º
MIN 13º MÁX 15º

Edição

Neste restaurante, é proibida a entrada a crianças com menos de 14 anos

Vários incidentes levados a cabo por crianças, com a complacência dos pais, levou a uma medida drástica por parte de Rudolf Markl. Departamento anti-discriminação da Alemanha alerta que justificações apresentadas "não são necessariamente suficientes para uma proibição total".

Neste restaurante, é proibida a entrada a crianças com menos de 14 anos
Notícias ao Minuto

23:39 - 19/08/18 por Notícias Ao Minuto 

Mundo Alemanha

Um restaurante está a gerar grande polémica na Alemanha depois de ter decidido proibir a presença de crianças com menos de 14 anos durante os jantares. A decisão, explica o dono do restaurante Oma´s Küche, deve-se aos desacatos causados pelas crianças perante a complacência dos pais.

“Chegámos a um ponto em que dissemos: isto não pode continuar assim”, disse Rudolf Markl à agência DPA, citado pelo Deutsche Welle.

Markl, que tem o seu restaurante na ilha de Rugen, admite que estava a pensar tomar esta medida há algum tempo, devido a uma série de episódios – desde bebidas espalhadas, toalhas no chão ou gritos – que o levaram a tomar uma medida drástica.

O dono do restaurante, no entanto, garante que proibir as crianças com menos de 14 de entrarem no seu estabelecimento não é uma medida contra as crianças, mas sim contra os pais que “não as conseguem controlar”.

A proibição, que só entra em vigor a partir das 17h00, gerou enorme indignação nas redes sociais, mas Markl não recua e garante que, agora, tem para oferecer aos seus clientes “um oásis de paz”.

No entanto, apesar de alguma aprovação demonstrada online em contraste com as críticas, o departamento anti-discriminação da Alemanha já está a analisar o caso e alerta que a proibição pode levar a um aumento de queixas contra o Oma´s Küche, muitas delas fundamentadas.

“Argumentos como o nível elevado de barulho que perturbaria os clientes não são necessariamente suficientes para uma proibição total das crianças a partir de uma certa idade”, alertou Bernhard Franke, oficial do departamento anti-discriminação.

Para Franke, uma melhor política seria expulsar as famílias que causam problemas e confusão no restaurante do restaurante.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório