Meteorologia

  • 26 SETEMBRO 2018
Tempo
19º
MIN 17º MÁX 21º

Edição

Pela primeira vez, há mais porcos em Espanha do que humanos

Segundo os dados do governo espanhol, há mais 3.5 milhões de porcos do que humanos. Aumento do número de porcos, numa indústria central em Espanha, gera preocupações a nível ambiental e fomenta polémicas.

Pela primeira vez, há mais porcos em Espanha do que humanos
Notícias ao Minuto

18:59 - 19/08/18 por Notícias Ao Minuto 

Mundo Alerta

O número de porcos em Espanha ultrapassou, pela primeira vez desde que há registos, o números de humanos, revela o jornal inglês The Guardian, que cita dados fornecidos pelo ministério do ambiente espanhol.

Atualmente, segundo estes números, existem cerca de 50 milhões de porcos em Espanha, mais 3,5 milhões do que humanos.

A população de porcos aumentou substancialmente desde 2013. Nos últimos cinco anos, registou-se um aumento de nove milhões de porcos.

Este aumento exponencial está a gerar enormes preocupações em termos de impacto ambiental, numa indústria que, em 2017, gerou quatro mil toneladas de produtos à base de carne de porco, num valor económico superior a seis mil milhões de euros.

Um dos principais problemas deve-se à quantidade de água que é utilizada na criação dos porcos, isto num país que, nota o jornal inglês, é afetado constantemente por situações de seca. A título de exemplo, o Guardian refere que cada porco consome cerca de 15 litros de água por dia, sendo que esta indústria consome mais água do que as cidades de Saragoça, Sevilha e Alicante juntas.

Para além disso, a indústria tem estado envolta em polémicas, nomeadamente de segurança alimentar. Recentemente, as autoridades espanholas desmontaram uma rede de fornecedores que colocou mais de 50 toneladas de fiambre estragado no mercado.

As condições de trabalho nos matadouros também têm estado sob polémica. Várias greves têm alertado para as péssimas condições de trabalho nos matadouros, isto num setor em que muitos trabalhadores são imigrantes que chegaram há pouco tempo a Espanha, muitos deles muçulmanos que não comem carne de porco.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório