Meteorologia

  • 16 NOVEMBRO 2018
Tempo
15º
MIN 15º MÁX 15º

Edição

Supremo de Israel prorroga suspensão da demolição de aldeia beduína

O Supremo Tribunal de Israel prorrogou a suspensão da demolição de uma aldeia beduína palestiniana na Cisjordânia, até uma audiência que deverá acontecer antes de 15 de agosto.

Supremo de Israel prorroga suspensão da demolição de aldeia beduína
Notícias ao Minuto

20:07 - 12/07/18 por Lusa

Mundo Decisão

A decisão segue à anterior ordem de suspensão, emitida a 06 de julho, com efeito até 11 de julho, que impedia a iminente demolição de Khan al-Ahmar, para que um pedido dos habitantes fosse analisado.

O pedido consistia em reconstruir a aldeia no mesmo local onde se encontra, em vez de mudar os 173 habitantes para outra zona da região, como foi proposto pelas autoridades israelitas.

Desta vez, o tribunal teve em conta o apelo internacional, demonstrado na intervenção do Alto Comissariado da ONU para os Direitos Humanos e na presença no local de vários diplomatas europeus e políticos palestinianos.

O Alto Comissariado da ONU para os Direitos Humanos instou Israel a não demolir ou expropriar as comunidades beduínas em geral e a de Khan al-Ahmar em particular.

As autoridades de Israel afirmam que a aldeia beduína na Cisjordânia foi construída de forma ilegal nos arredores de Jerusalém Oriental, expandindo-se por cerca de 12 quilómetros.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório