Meteorologia

  • 17 JULHO 2018
Tempo
19º
MIN 18º MÁX 19º

Edição

Autoridades retiram jornalistas da zona em torno de gruta na Tailândia

As autoridades tailandesas pediram hoje aos meios de comunicação social para saírem da zona em torno da entrada da gruta, onde 12 rapazes e o seu treinador de futebol estão presos há 15 dias.

Autoridades retiram jornalistas da zona em torno de gruta na Tailândia
Notícias ao Minuto

06:06 - 08/07/18 por Lusa

Mundo Operação

Dezenas de mergulhadores chegaram esta manhã à gruta Tham Luang e os responsáveis criaram uma zona de operações, que isolaram com lonas, de acordo com a agência noticiosa Associated Press.

"Quem não estiver implicado na operação deve sair da zona imediatamente", anunciou a polícia, através de altifalantes no local, onde se encontram centenas de jornalistas.

As autoridades escusaram-se a fazer qualquer comentário e marcaram uma conferência de imprensa para as 09:00 (03:00 em Lisboa).

No sábado, as autoridades afirmaram que os próximos três a quatro dias estão a ser encarados como os mais favoráveis para realizar o resgate.

o governador da região de Chiang Rai (onde fica localizada a gruta), Narongsak Osottanakorn, afirmou que os próximos três a quatro dias são "o momento mais favorável para a operação [de resgate] em termos do nível da água, das condições meteorológicas e do estado de saúde dos rapazes".

O governador admitiu que, após esta janela de tempo, as condições meteorológicas previstas para a região, nomeadamente a intensificação das chuvas que se podem tornar torrenciais no início da próxima semana, podem colocar em perigo o grupo retido na gruta.

Outra preocupação, acrescentou Narongsak Osottanakorn, é o aumento da concentração dos níveis de dióxido de carbono dentro da gruta e o efeito que tal situação está a ter no grupo e nos elementos da equipa de resgate.

No passado dia 23 de junho, depois de um jogo de futebol os 12 rapazes, com idades entre os 11 e os 16 anos, e o seu treinador, de 25, foram explorar a gruta.

As inundações resultantes das chuvas torrenciais bloquearam a saída e impediram que as equipas de resgate encontrassem o grupo durante nove dias, já que a única maneira de chegar até ao local onde se encontram é mergulhando através de túneis escuros e estreitos, cheios de água turva e correntes fortes.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório

Os cookies ajudam-nos a melhorar a sua experiência como utilizador.

Ao utilizar o nosso website, está a aceitar o uso de cookies e a concordar com a nossa política de utilização.