Meteorologia

  • 19 NOVEMBRO 2018
Tempo
14º
MIN 14º MÁX 14º

Edição

Defensoria quer proibir polícia do Rio de disparar de helicópteros

A Defensoria Pública solicitou hoje ao tribunal de justiça do Rio de Janeiro que proíba a polícia brasileira de efetuar disparos a partir de helicópteros durante operações de combate ao narcotráfico, especialmente em favelas com alta densidade populacional.

Defensoria quer proibir polícia do Rio de disparar de helicópteros
Notícias ao Minuto

06:20 - 21/06/18 por Lusa

Mundo Brasil

Este pedido surge depois de ter sido divulgado um vídeo de uma ação policial nas favelas de Maré com recurso a um helicóptero que provocou a morte a seis supostos traficantes de droga e de um adolescente que foi atingido por uma bala perdida, quando se encontrava na escola.

"É inaceitável e repugnate ver um helicóptero do qual se dispara contra uma cuminidade cheia de inocentes", afirmou o fundador e diretor da organização não-governamental Luta Pela Paz, Luke Dowdney.

O ativista denunciou ainda que muitas pessoas correram a refugiar-se numa escola pública.

"O uso de helicópteros para realizar disparos com armas de fogo indiscriminadamente em locais urbanos com elevada densidade populacional enquanto a aeronave se move a alta velocidade é absurdamente imprudente", sublinhou o defensor público Daniel Lozoya, que integra o Núcelo de Defesa dos Direitos Humanos da Defensoria Pública.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório