Meteorologia

  • 19 NOVEMBRO 2018
Tempo
11º
MIN 10º MÁX 13º

Edição

Burlada após ser convencida a fazer cirurgias plásticas para ser modelo

Estudante respondeu a um anúncio de emprego, pensando que poderia ganhar uns ‘trocos’. Acabou por contrair dívidas e colocar a vida em risco.

Burlada após ser convencida a fazer cirurgias plásticas para ser modelo

Uma jovem chinesa de 20 anos, identificada apenas como Zhang, foi convencida por três alegados funcionários de uma agência de modelos a submeter-se a várias cirurgias plásticas para melhorar a sua aparência.

Tudo começou no passado mês de maio. Zhang contou ao jornal Henan Business Daily que viu um anúncio de emprego numa conceituada aplicação destinada à procura de trabalho.

Nesta senda, enviou a sua fotografia para o email recomendado e foi-lhe dito que a sua aparência era o que se procurava, mas que precisava de fazer alguns ‘retoques’ se quisesse ficar com a vaga de modelo.

Zhang assim fez, até porque lhe foi dito que os custos dos procedimentos cirúrgicos iriam ser pagos pela agência, não num primeiro momento, mas que ela iria ser reembolsada.

A verdade é que a jovem gastou mais de 1.400 euros na cirurgia, mas o problema maior não foi esse. A estudante transferiu 2.650 euros para os três homens através de uma aplicação e ainda assinou documentos em que lhes transferia outros 6.626 euros.

Assim que soube do sucedido, a jovem contou aos pais, a quem pediu desculpa e lamentou ter sido tão “inocente”. “Só queria encontrar um bom trabalho para ajudar a nossa família”, disse.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório