Meteorologia

  • 17 AGOSTO 2018
Tempo
20º
MIN 19º MÁX 20º

Edição

Há quem seja alérgico ao sexo por estes motivos (sim, é verdade)

Uma alergia ao sexo acontece quando algo suscita uma resposta adversa do sistema imunitário – geralmente acontece devido ao látex dos preservativos ou às substâncias presentes nos lubrificantes, mas não é tudo...

Há quem seja alérgico ao sexo por estes motivos (sim, é verdade)
Notícias ao Minuto

23:00 - 20/04/18 por Liliana Lopes Monteiro  

Lifestyle Muito cuidado

Na loucura do momento pode nem perceber que está a desenvolver algum tipo de alergia, porém é importante que reconheça os sinais.

A médica e sexóloga Lindsey Doe, autora da série de YouTube ‘Sexpectations’, revela as cinco situações chocantes às quais deve estar atento.

1. Orgasmo

Sim, infelizmente é possível ser alérgico ao orgasmo. A condição rara é conhecida pelo nome de síndrome pós-orgásmico ou de pós-ejaculação, que o pode deixar fraco e excessivamente cansado. Também pode provocar sintomas semelhantes aos da gripe.

Doe explica: “Os indivíduos afetados apresentam uma grande dificuldade de concentração e altos níveis de confusão mental, logo após a ejaculação. Nos casos mais graves podem ainda desmaiar, ter episódios de diarreia ou sentir apertos no peito. Ou seja, estes homens são alérgicos ao seu próprio sémen”.

Mas atenção mulheres: também é possível ser-se alérgico ao sémen de outra pessoa, uma condição denominada de plasma seminal hipersensível.

De acordo com um estudo realizado pela Universidade de Tulane, nos Estados Unidos, esta condição foi primeiro identificada em 2002 e até ao momento foram registados oficialmente 50 casos no mundo inteiro (aqueles que foram reportados às autoridades de saúde).

2. Látex

Esta alergia pode provocar reações na região vaginal, irritação, comichão e sensação de ardor.

É normalmente causada por substâncias como a caseína e por outros parabenos que se encontram nos preservativos e nos brinquedos sexuais, com o intuito de impedirem a proliferação de bactérias.

3. Lubrificantes

Tal como os preservativos, os lubrificantes podem conter um número de ingredientes, como a glicerina, a benzocaína ou a lidocaína, que também provocam comichão, ardor e até inchaço na zona genital.

“Lubrificantes com sabores, ou que prometem sensações de aquecimento, arrefecimento ou de dormência, contém inúmeros aditivos dos quais o seu organismo pode não gostar”, explica Lindsey.

4. Trauma

Há quem que não tenha uma boa ‘relação’ com o sexo.

Lindsey esclarece: “Não se trata propriamente de uma alergia ao ato sexual, mas de algo muito semelhante, conhecido por dispareunia”.

“Basicamente uma reação psicológica adversa precipita uma resposta física também negativa. Por exemplo, tal dá-se em indivíduos que sofreram de algum tipo de abuso, reprimiram a sua sexualidade ou que não têm confiança no parceiro – e esses sentimentos podem manifestar-se através de dores físicas, irritações cutâneas e de inflamações.

5. Métodos contracetivos

Algumas mulheres são alérgicas a alguns métodos contracecionais. Alguns dos efeitos secundários de tomar a pílula incluem: enxaquecas, náuseas e vómitos, problemas de estômago e ocorrência de diarreia, erupções cutâneas e pressão arterial baixa.

Reações semelhantes podem ainda ocorrer com o uso de outros contracetivos, como implantes ou injeções.

Doe aconselha: "Não sofra por sofrer! Consulte um especialista". 

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba dicas para uma vida melhor!

Moda e Beleza, Férias, Viagens, Hotéis e Restaurantes, Emprego, Espiritualidade, Relações e Sexo, Saúde e Perda de Peso

Obrigado por ter ativado as notificações de Lifestyle ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório

Os cookies ajudam-nos a melhorar a sua experiência como utilizador.

Ao utilizar o nosso website, está a aceitar o uso de cookies e a concordar com a nossa política de utilização.