Meteorologia

  • 13 NOVEMBRO 2018
Tempo
15º
MIN 14º MÁX 16º

Edição

Estudo relaciona a toma de Omeprazol com risco de cancro de estômago

Este tipo de medicamentos 'protetores' do estômago aumentam até 2,4 vezes o risco de cancro no estômago quando tomados de forma recorrente, uma ligação já estudada anteriormente pela ciência

Estudo relaciona a toma de Omeprazol com risco de cancro de estômago
Notícias ao Minuto

14:30 - 02/11/17 por Notícias Ao Minuto 

Lifestyle Alerta

Um estudo realizado pela Universidade de Hong Kong em parceria com o University College London, publicado pela revista científica 'Gut' na passada terça-feira, alerta para os riscos do uso prolongado de medicamentos da classe do Omeprazol, como o Lansoprazol, Pantoprazol, Rabeprazol, Esomeprazol e Dexlansoprazo.

De acordo com o estudo, este tipo de medicamentos 'protetores' do estômago - Inibidores de Bomba de Protões (IBP) - aumentam até 2,4 vezes o risco de cancro no estômago quando tomados de forma recorrente, uma ligação já estudada anteriormente pela ciência.

Para a investigação, os cientistas quiseram analisar o real impacto deste grupo de fármacos com ou sem a presença de bactérias que possam causar o cancro. Para tal, eliminaram as bactérias que podem desencadear o aparecimento da doença (através de antibióticos) e mostraram que o risco de cancro no estômago aumentou na mesma dosagem e duração do tratamento com os medicamentos da classe do Omeprazol, conta a revista Veja.

Para o estudo, foram analisados 63.387 casos de pacientes. Os participantes foram divididos em dois grupos, um deles em que tomaram os medicamentos da classe do Omeprazol e um outro em que foram administrados fármacos H2, que também atuam contra o ácido estomacal. O acompanhamento ocorreu entre os anos de 2003 e 2012.

Do total de participantes, 153 pessoas tiveram cancro do estômago (0,24%), sendo que nenhum dos afetados apresentava uma bactéria causadora da doença, mas sim uma inflamação estomacal a longo prazo potencialmente causada pelo fármaco.

Diz ainda o estudo que após um ano de toma de Omeprazol ou semelhantes, o risco de cancro no estômago aumenta para cinco vezes, passando para oito vezes quando o fármaco é tomado de forma contínua ao longo de três anos.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba dicas para uma vida melhor!

Moda e Beleza, Férias, Viagens, Hotéis e Restaurantes, Emprego, Espiritualidade, Relações e Sexo, Saúde e Perda de Peso

Obrigado por ter ativado as notificações de Lifestyle ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório