Meteorologia

  • 25 JULHO 2021
Tempo
22º
MIN 18º MÁX 27º

Edição

Tudo sobre a alimentação que cachorrinhos e gatinhos devem fazer

Tem um novo amigo de quatro patas e tem dúvidas sobre a alimentação que lhe deve dar? Esclarecemos tudo em entrevista com uma especialista.

Tudo sobre a alimentação que cachorrinhos e gatinhos devem fazer

Os primeiros meses de vida são os mais importantes para o desenvolvimento dos cachorrinhos e dos gatinhos. Por isso é essencial adotarmos bons cuidados alimentares e uma alimentação adequada desde o início, de forma a favorecer a formação dos ossos, o desenvolvimento muscular e as suas defesas imunitárias.

Rita Silva, médica veterinária e field trainer scientific communication na Royal Canin Portugal, destaca que “para ter um gato e um cão saudável na sua idade adulta é preciso garantir uma fase de crescimento saudável.”

Em entrevista ao Lifestyle ao Minuto, revelou que durante as primeiras quatro semanas de vida, tanto os cachorrinhos como os gatinhos devem ser amamentados pelas suas mães, sobretudo porque o primeiro leite é rico em colostro que é essencial para os animais, já que transporta substâncias que vão proteger o recém-nascido de doenças infeciosas e nutrientes que o vão alimentar. O colostro precisa de ser consumido logo nas primeiras 24h de vida dos cachorrinhos e gatinhos.

No caso de não terem a mãe para os alimentar, o que é que lhes deve ser dado?

Quando a mãe não tem leite é preciso oferecer aos cachorros um leite de substituição. Leite este que deverá favorecer um crescimento delicado e harmonioso, garantir uma excelente tolerância digestiva através da utilização de proteínas lácteas e sem amido - já que é um tipo de hidrato de carbono que não é digerido nesta idade - e promover o desenvolvimento neurológico dos bebés através da suplementação de ácidos gordos essenciais como o ómega 3 e ómega 6.

Recentemente foi desenvolvido um leite de substituição com colostro que permite proteger cachorrinhos e gatinhos que infelizmente não tenham ingerido o suficiente ou cujas mães não o tenham produzido. É mais um avanço científico que procura melhorar a vida dos nossos cachorrinhos e gatinhos através da nutrição-saúde.

O leite de vaca é ou não aconselhado?

O leite de vaca, tal como o nome indica, é para os vitelos. O leite da vaca é demasiado rico em lactose (açúcar do leite) que, apesar dos cachorrinhos e gatinhos conseguirem digerir, não toleram em grande quantidade, podendo facilmente causar diarreias. Para além disso, o leite da cadela e da gata é muito mais rico em proteínas, gordura e energia, logo é mais concentrado do que o leite da vaca. Por estes motivos o leite de vaca não está aconselhado para os cachorrinhos e gatinhos.

Quais as grandes diferenças entre os leites para cães e gatos que se compram nos supermercados e lojas de animais e o leite de vaca?

A maioria dos leites para cães e gatos que se compram nos supermercados têm menos lactose que o leite de vaca, no entanto esse não é o único fator determinante para garantir um leite equilibrado e nutricionalmente adaptado. Há que considerar o restante perfil nutricional, como as proteínas de elevada digestibilidade, teor de gordura, vitaminas e minerais, doses recomendadas, ergonomia do biberão e fluxo da tetina, como também questões relacionadas com a própria esterilidade do leite e a sua preparação. Normalmente, os leites vendidos nas lojas são em pó e os tutores têm de preparar com água na hora de administrar. Algo muito semelhante ao que acontece com o leite de substituição dos bebés humanos.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba dicas para uma vida melhor!

Moda e Beleza, Férias, Viagens, Hotéis e Restaurantes, Emprego, Espiritualidade, Relações e Sexo, Saúde e Perda de Peso

Obrigado por ter ativado as notificações de Lifestyle ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório