Meteorologia

  • 11 MAIO 2021
Tempo
14º
MIN 10º MÁX 19º

Edição

Deficiência de zinco: Conheça as causas, os sintomas e os perigos

Tanto a falta como o excesso de zinco podem originar problemas de saúde.

Deficiência de zinco: Conheça as causas, os sintomas e os perigos

A deficiência de zinco no organismo representa sérios riscos para a saúde, afetando o organismo de dentro para fora. Segundo o médico Juliano Pimentel, autor do livro 'Viva Melhor Sem Glúten', cerca de 31% da população mundial apresenta falta de zinco, de acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS).

A falta deste mineral em quantidades satisfatórias compromete o sistema imunológico, pois o zinco é fundamental para manter a imunidade. A síndrome do intestino gotejante é, também, um sinal de que os seus níveis de zinco podem estar baixos. Diarreias constantes, perda de cabelo acentuada ou cabelo a ficar muito fino, inflamações na pele e problemas de atenção e distúrbios motores em lactentes também podem ter a sua origem na falta de zinco.

Ainda de acordo com o especialista, entre as causas para a falta deste mineral no organismo podem estar a má alimentação, stress, o excesso de exercício físico, gravidez e amamentação, idade, alcoolismo, diabetes, pacientes que realizam hemodiálise, pacientes seropositivos com VIH/SIDA, artrite reumatóide, bebés prematuros e de baixo peso, desnutrição, vegetarianos, pessoas com distúrbios alimentares como anorexia e bulimia, pacientes que recebem alimentação intravenosa e pacientes que utilizam antibióticos de tetraciclina e quinolona.

O excesso de consumo de zinco, por sua vez, pode provocar  tosse, fadiga, febre, dor de estômago e até, em casos extremos, cancro de próstata. Entre os alimentos ricos em zinco, segundo o site Tua Saúde, estão ostras, carne de vaca assada, peru cozido, carne de vitela cozida, fígado de frango cozido, sementes de abóbora, feijão de soja cozido, borrego cozido, amêndoa e amendoim. 

Notícias ao Minuto nomeado para os Prémios Marketeer

O Notícias ao Minuto é um dos nomeados da edição de 2021 dos Prémios Marketeer, na categoria de Digital Media. As votações decorrem até ao próximo dia 31 de maio.

Para nos ajudar a vencer, basta aceder ao site da iniciativa organizada pela revista Marketeer, clicando aqui, e proceder ao preenchimento do formulário, selecionando Notícias ao Minuto na categoria de Digital Media e formalizando depois a votação. Obrigada pela sua preferência!

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba dicas para uma vida melhor!

Moda e Beleza, Férias, Viagens, Hotéis e Restaurantes, Emprego, Espiritualidade, Relações e Sexo, Saúde e Perda de Peso

Obrigado por ter ativado as notificações de Lifestyle ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório