Meteorologia

  • 25 MAIO 2019
Tempo
16º
MIN 15º MÁX 17º

Edição

Uma dúzia de razões para aplicar o mindfulness e ter uma vida saudável

Conheça os benefícios desta prática.

Uma dúzia de razões para aplicar o mindfulness e ter uma vida saudável
Notícias ao Minuto

23:30 - 30/04/17 por Notícias Ao Minuto 

Lifestyle Saúde mental

O Mindfulness tem captado cada vez mais a atenção de pessoas em todo o mundo por exercitar a atenção plena.

Os benefícios da meditação anti-stress já são bem conhecidos e estudados há mais de uma década, afinal, a técnica de atenção plena e meditativa focada na respiração diminui os níveis de cortisol, sendo, por isso, uma importante aliada para pacientes com hipertensão arterial, distúrbios do sono, dores e doenças crónicas.

E não faltam motivos para se deixar render ao mindfulness. Eis uma dúzia deles:

1 - Aprender a meditar ao estilo mindfulness nunca foi tão acessível, uma vez que existem cada vez mais métodos (online ou via aplicações móveis) e escolas que ensinam esta prática. 

2- Pesquisas científicas revelam que a ciência e as universidades estão cada vez mais interessadas nesta prática e nos seus benefícios, que pode mesmo vir a ser aplicada em hospitais.

3 - A Universidade de Buckingham, por exemplo, introduziu nas suas atividades algumas sessões de técnicas que promovem a consciência plena para estudantes e professores. O objetivo é combater a procrastinação e estimular as pessoas a concluir da melhor forma as tarefas. 

4 - Pode ajudar as pessoas com artrite, como indica um estudo do jornal Annals of Rheumatic Disease, que mostra que a meditação da mente plena diminui o stress e a fadiga das pessoas com artrite reumatóide.

5 - Um estudo da Universidade do Oregon descobriu que o treino de técnicas de meditação que incluem o corpo e a mente podem resultar em mudanças nas sinapses do cérebro, protegendo-o contra doenças mentais. 

6 - A meditação torna as pessoas mais focadas e 'zen', uma vez que esta prática ajuda a alcançar um melhor controlo do processo da dor e das emoções, revela um estudo no jornal Frontiers in Human Neuroscience.

7 - Um outro estudo, desta vez do Jefferson-Myrna Brind Center of Integrative Medicine (nos Estados Unidos), mostra que a meditação da mente plena reduz os sintomas de stress de mulheres com cancro da mama. E como se não bastasse, os testes com meditação e imaginação provocam mudanças positivas no cérebro relacionadas com o stress, emoções e satisfação.

8 - Na Universidade da Califórnia, Los Angeles descobriu-se que a meditação da mente plena ajuda a diminuir a sensação de solidão dos idosos que vivem sozinhos, dinamizando o sistema imunitário dos mesmos e diminuindo a expressão dos genes responsáveis por processos inflamatórios.

9 - A meditação diminui o efeito nocivo e sintomas das constipações e gripes, segundo uma pesquisa da Wiscosin School of Medicine and Health/EUA. 

10 - A meditação diminui ainda a possibilidade de depressão em mulheres grávidas, segundo pesquisa da Dra. Maria Muzik, professora assistente de psiquiatria da Universidade de Michigan. A meditação da mente plena e o yoga aumentam o positivismo da mulher.

11 - O ato de meditar diminui a possibilidade de depressão entre adolescentes. Estudo da Universidade de Leuven, na Bélgica, mostra que a meditação da mente plena faz com que os jovens sintam menos stress, ansiedade e depressão.

12 - O treino em meditação é considerado excelente como estratégia para ajudar as pessoas em processo de perda de peso, segundo uma pesquisa conduzida por psicólogos para o Consumer Reports and the American Psychological Association.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba dicas para uma vida melhor!

Moda e Beleza, Férias, Viagens, Hotéis e Restaurantes, Emprego, Espiritualidade, Relações e Sexo, Saúde e Perda de Peso

Obrigado por ter ativado as notificações de Lifestyle ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório