Quão mau é reutilizar um lenço para limpar o nariz?

Precisa mesmo de limpar o nariz e o único que tem à mão já foi usado. É seguro usá-lo?

© iStock
Lifestyle Saúde

Está a tentar ultrapassar uma constipação daquelas, teve de ir trabalhar e esqueceu-se dos lenços. O que fazer? Procura na mala ou na gaveta da secretária e encontra um lenço de papel usado que parece estar ali desde a última vez que esteve assim.

PUB

Porque é mesmo a sua única saída e acaba por usá-lo várias vezes nesse dia, mas depois fica com o peso na consciência: Será que reutilizar este lenço o deixou ainda mais doente?

A Reader’s Digest explica que não vale a pena entrar em pânico. Apesar de se saber que "alguns vírus podem sobreviver sobre bancadas e outras superfícies por mais de sete dias e os lenços usados podem manter o mesmo risco. A sua capacidade de causar uma infeção reduz-se rapidamente e muitas vezes não sobrevivem mais de 24 horas", segundo destaca a médica de família Mia Finkelston.

Por outras palavras o risco de contágio por um vírus encontrado num lenço de papel ou pano previamente utilizado diminui com o tempo, sendo que em poucos dias deixa de ser forte o suficiente para provocar uma infeção.

Além disso, graças ao nosso sistema imunológico sofisticado, geralmente não somos capazes de nos deixar infetar com o mesmo vírus uma segunda vez, porque o nosso corpo criou anticorpos enquanto lutava contra a infeção pela primeira vez.

COMENTÁRIOS REGRAS DE CONDUTA DOS COMENTÁRIOS

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias Ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser