Decore estes nomes. Vai precisar de os saber quando analisar um rótulo

Quando em causa está uma alimentação saudável, na basta apenas olhar para a cor e calorias dos alimentos.

© DR
Lifestyle Cuidados

Corantes, conservantes, químicos, aditivos, compostos, componentes. Seja o que for, fuja!

PUB

Segundo o site Mind Body Green, são novo os componentes alimentares que devem ser evitados ao máximo e que devem estar no centro das atenções na hora de ler – e decifrar – os rótulos das embalagens.

1. Benzoato de sódio – Este aditivo usado como conservante em alguns sumos e refrigerantes pode desencadear o cancro quando entra em contacto com o ácido ascórbico (conhecido também como vitamina C). O agravamento da hiperatividade é outra das consequências.

2. Potássio bromato – este aditivo processado é comummente usado na confeção do pão e biscoitos, contudo está fortemente associado ao aparecimento de cancro em ratos e já está a ser proibido em alguns países.

3. Adoçantes e sabores artificiais – sucralose, sacarina e aspartame são apenas alguns dos componentes a evitar. Estes componentes, assim como os aromas artificais (como o de manteiga nas pipocas de micro-ondas) sintéticos em nada favorecem o valor nutricional do alimento e podem ainda ser originários do aparecimento precoce de Alzheimer.

4. Sorbato de potássio – é conhecido por dar mais vida aos alimentos e é presença frequente em queijos, gelados, bebidas de fruta e produtos assados, contudo, é considerado um produto tóxico para animais.

5. Acrilamida (ou propenamida) – este produto químico presente nos cereais de pequeno-almoço, bolachas, pães industrializados e processados é considerado, nos Estados Unidos, como um potenciador de cancro.

6. Óleo Vegetal Bromado (BVO) –  este aditivo é conhecido por dar o sabor a citrinos a algumas bebidas, como as energéticas, porém é já proibido em alguns países da União Europeia e no Japão por estar associado ao aparecimento de problemas nervosos.

7. Nitrato de sódio – ou qualquer nitrato em geral. Este conservado usado em carnes processadas (como o bacon) é um potenciador de doenças cardíacas e diabetes.

8. Hidroxianisol butilado (BHA) e hidroxitolueno butilado (BHT) – preservam as gorduras e estão presentem em produtos como manteiga ou pastilha elástica, Embora sejam necessários ainda mais estudos, uma investigação norte-americana encontrou um cariz tóxico nestes dois componentes, podendo dar origem a vários tipos de cancro.

9. MSG* – frequentemente presente em enlatados, sopas pré-feitas, bebidas dietéticas, fast food, salsichas e alguns produtos embalados, este compontente estimula as papilas gustativas mas este aditivo pode provocar dores de cabeça, dor no peito, dormência e palpitações cardíacas.

 

*Segundo a publicação, o MSG pode ser encontrado em vários componentes: glutamato monossódico, maltodextrina, caseinato de sódio, levedura autolisada, proteína vegetal autoisada, proteína vegetal hidrolisada, extrato de levedura e até mesmo ácido cítrico.

COMENTÁRIOS REGRAS DE CONDUTA DOS COMENTÁRIOS

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias Ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser