Meteorologia

  • 17 JUNHO 2024
Tempo
21º
MIN 16º MÁX 22º

Beterraba pode fazer maravilhas pelas mulheres no pós-menopausa

É a conclusão de um novo estudo feito nos Estados Unidos.

Beterraba pode fazer maravilhas pelas mulheres no pós-menopausa
Notícias ao Minuto

10:50 - 11/06/24 por Notícias ao Minuto

Lifestyle Saúde

Depois de entrarem na menopausa, as mulheres ficam mais vulneráveis a múltiplas doenças, incluindo as cardiovasculares. Para melhorar (e apoiar) a saúde do coração e dos vasos sanguíneos das mulheres no pós-menopausa, os investigadores da Penn State, nos Estados Unidos analisaram o impacto do sumo de beterraba. 

Qual foi a conclusão? Investigadores descobriram que "o consumo diário de sumo de beterraba por mulheres na pós-menopausa pode melhorar a função dos vasos sanguíneos o suficiente para reduzir o risco futuro de doenças cardíacas". 

Leia Também: Três alimentos inflamatórios que devem ser evitados na menopausa

Para a investigação, disponibilizada na Frontiers in Nutrition, analisaram o impacto deste tipo de sumo em 24 mulheres no pós-menopausa e com idades entre os 50 e 60 anos.

Muitos não sabem, mas o sumo de beterraba contém níveis elevados de nitrato, convertido pelo organismo em óxido nítrico. Isto ajuda os vasos sanguíneos a expandirem-se, o que facilita o fluxo de sangue através do sistema circulatório.

Geralmente, a capacidade do óxido nítrico para dilatar os vasos sanguíneos é muito útil durante períodos de fluxo sanguíneo, assim como de fornecimento de oxigénio limitados, como durante um ataque cardíaco, afirmam os investigadores.

Depois da menopausa, "as mulheres deixam de produzir estrogénio que ajuda a manter o óxido nítrico no corpo", explica Delgado Spicuzza, líder do estudo, em comunicado. Infelizmente. "esta perda de produção de óxido nítrico contribui para o aumento substancial do risco de doença cardíaca nas mulheres no pós-menopausa". 

Tendo isto em conta, "os alimentos ricos em nitratos - especialmente a beterraba - estão a ser investigados como uma forma natural e não farmacêutica de proteger o coração e os vasos sanguíneos". 

Leia Também: Entrar cedo na menopausa pode aumentar o risco de cancro da mama

Recomendados para si

;

Receba dicas para uma vida melhor!

Moda e Beleza, Férias, Viagens, Hotéis e Restaurantes, Emprego, Espiritualidade, Relações e Sexo, Saúde e Perda de Peso

Obrigado por ter ativado as notificações de Lifestyle ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório