Meteorologia

  • 18 MAIO 2024
Tempo
19º
MIN 13º MÁX 20º

Parkinson. Anticorpo pode retardar os sintomas, diz estudo

A conclusão é de um ensaio clínico realizado no Roche Innovation Centre, na Suíça. A investigação foi publicada na revista Nature Medicine.

Parkinson. Anticorpo pode retardar os sintomas, diz estudo
Notícias ao Minuto

07:50 - 17/04/24 por Notícias ao Minuto

Lifestyle Parkinson

Segundo uma investigação realizada no Roche Innovation Centre, na Suíça, existe um anticorpo monoclonal que é capaz de reduzir os sintomas de Parkinson em doentes com rápida progressão da doença.

De acordo com a revista Nature Medicine, o anticorpo terapêutico experimental chama-se prasinezumab e é capaz de ligar-se à proteína alfa-sinucleína, um fator chave na progressão da doença.

Leia Também: Diz quem sabe que devemos 'alimentar' o cérebro com estas especiarias

A eficácia da sua utilização pode verificar-se logo após um ano. O ensaio da fase dois, chamado de Pasadena, analisou o efeito deste anticorpo em 316 doentes. O tratamento reduziu os sintomas de progressão rápida após 52 semanas.

Apesar dos resultados, os investidores revelam que são necessárias mais pesquisas para confirmar estes efeitos.

“A melhoria obtida é muito limitada com um tempo de apenas um ano. É realmente difícil prever os resultados deste tipo de tratamento a longo prazo”, revelou ao agregador de blogues HuffPost José Luis Lanciego, investigador da Universidade de Navarra, em Espanha, que não participou no estudo.

Leia Também: Parkinson. "Exercício pode melhorar sintomas e atrasar a sua progressão"

Recomendados para si

;

Receba dicas para uma vida melhor!

Moda e Beleza, Férias, Viagens, Hotéis e Restaurantes, Emprego, Espiritualidade, Relações e Sexo, Saúde e Perda de Peso

Obrigado por ter ativado as notificações de Lifestyle ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório