Meteorologia

  • 22 JULHO 2024
Tempo
33º
MIN 18º MÁX 37º

Crianças têm menos probabilidade de ficar com Covid longa, diz estudo

A percentagem é menor, mas existem casos em que os sintomas se prolongam ao longo de três meses.

Crianças têm menos probabilidade de ficar com Covid longa, diz estudo
Notícias ao Minuto

08:07 - 24/08/22 por Notícias ao Minuto

Lifestyle Coronavírus

Tal como os adultos, as crianças também podem ficar com sintomas prolongados de Covid-19, conhecido também como Covid longa. Ainda assim, um novo estudo publicado na revista científica JAMA Network Open concluiu que a probabilidade de ficarem com mazelas durante alguns meses é menor.

A pesquisa analisou mais de 1.880 crianças e jovens até aos 18 anos. Apenas 5% por cento deste total teve sintomas de Covid ao longo de três meses.

Leia Também: Faz exercício com regularidade? Então está mais protegido contra a Covid

Também nos casos em que foi necessária hospitalização acabou por ser menor quando comparado com uma população mais adulta.

Quanto mais sintomas as crianças apresentavam no início da doença, maior a probabilidade de virem a ser internadas. Quase 5% das hospitalizações foram de miúdos com um a três sintomas. Já a percentagem de internados com sete ou mais sintomas chegou aos 23%.

Um outro estudo da revista científica BMJ indicou que o olfato e o paladar eram os sintomas de Covid Longa mais registados em adultos. Após seis meses, grande parte deles acabou por recuperar todos os sentidos.

Leia Também: Covid. Tempo de incubação é mais curto a cada nova variante

Recomendados para si

;

Receba dicas para uma vida melhor!

Moda e Beleza, Férias, Viagens, Hotéis e Restaurantes, Emprego, Espiritualidade, Relações e Sexo, Saúde e Perda de Peso

Obrigado por ter ativado as notificações de Lifestyle ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório