Meteorologia

  • 05 DEZEMBRO 2021
Tempo
14º
MIN 10º MÁX 16º

Edição

AstraZeneca. Síndrome rara de coágulos com elevada taxa de mortalidade

Esta síndrome causa uma redução do número de plaquetas e a presença de coágulos no sangue.

AstraZeneca. Síndrome rara de coágulos com elevada taxa de mortalidade

O desenvolvimento de coágulos sanguíneos associado à injeção da vacina contra a Covid-19 da Oxford/AstraZeneca é raro, mas apresenta uma elevada taxa de mortalidade. O alerta é feito por uma equipa de investigadores britânicos, numa análise publicada no New England Journal of Medicine e citada pelo Guardian. Segundo os mesmos, a síndrome afeta uma em cada 50 mil pessoas com idades inferiores aos 50 anos e pode ocorrer em pessoas jovens e saudáveis.

Para chegar a esta conclusão, os investigadores analisaram 170 casos confirmados de trombocitopenia trombótica imune induzida por vacina (VITT) e 50 casos prováveis, após toma de uma dose da vacina. Morreram 22% das pessoas.

Entre aqueles com um número reduzido de plaquetas e hemorragia intracraniana a mortalidade foi de 73%.

Leia Também: Mattel cria barbie da mulher que desenvolveu vacina da AstraZeneca

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

;

Receba dicas para uma vida melhor!

Moda e Beleza, Férias, Viagens, Hotéis e Restaurantes, Emprego, Espiritualidade, Relações e Sexo, Saúde e Perda de Peso

Obrigado por ter ativado as notificações de Lifestyle ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório