Meteorologia

  • 23 JUNHO 2021
Tempo
16º
MIN 15º MÁX 27º

Edição

Vacina da Pfizer/BioNTech não afeta espermatozoides, revela estudo

Estudos anteriores mostraram que a infeção por coronavírus afeta negativamente os espermatozoides.

Vacina da Pfizer/BioNTech não afeta espermatozoides, revela estudo

A vacina da Pfizer/BioNTech contra a Covid-19 não afeta os espermatozoides, diz um pequeno estudo realizado em Israel.

Para chegar a esta conclusão, investigadores da Universidade Hebraica de Jerusalém estudaram amostras de esperma de 43 homens que receberam a segunda dose da vacina cerca de um mês antes.

Segundo a equipa, não foram encontradas anormalidades no volume, concentração ou motilidade dos espermatozoides masculinos.

Embora o estudo tenha sido pequeno e os resultados ainda não terem sido revistos ​​por pares, os investigadores acreditam que as descobertas "são tranquilizadoras para a população masculina jovem que está a ser vacinada em todo o mundo", dizem. "Os casais que desejam engravidar devem ser vacinados,  pois a vacinação não afeta os espermatozoides".

As preocupações relativas à fertilidade surgem na sequência de um artigo polémico, publicado na revista Reproduction em janeiro, que afirma que a Covid-19 afeta a fertilidade masculina.

Leia Também: Estudo em Israel diz que vacina Pfizer dá proteção de 95%

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba dicas para uma vida melhor!

Moda e Beleza, Férias, Viagens, Hotéis e Restaurantes, Emprego, Espiritualidade, Relações e Sexo, Saúde e Perda de Peso

Obrigado por ter ativado as notificações de Lifestyle ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório