Meteorologia

  • 28 NOVEMBRO 2020
Tempo
14º
MIN 9º MÁX 17º

Edição

Setembro quente. Quatro dicas para não 'morrer' de calor no sexo

Siga estes conselhos na intimidade durante a onda de calor.

Setembro quente. Quatro dicas para não 'morrer' de calor no sexo

A onda de calor está a interferir negativamente na sua vida sexual?

Ora, nada tema. O jornal britânico Daily Star Online reuniu - para o seu prazer - as melhores dicas para combater as temperaturas elevadas, desde congelar os lençóis a usar cubos de gelo. Saiba mais... 

1. Sexo no duche

Antes de entrar na banheira regule o chuveiro para que a água saia morna. Assim, irá manter-se fresco e livre de suor durante o encontro apaixonado. 

2. Opte pelo chão

Ter relações na cama vai deixar o colchão e os lençóis, onde terá eventualmente de dormir, encharcados com o suor dos pombinhos.

Contudo, superfícies duras não aquecem. Por isso opte pelo soalho ou se preferir pela bancada do móvel da cozinha.

3. Use cubos de gelo

Simplesmente coloque um cubo de gelo na boca antes de beijar o seu parceiro em diferentes partes do corpo. Pode também utilizar lubrificante frio durante a penetração, para uma experiência ainda mais intensa e orgásmica

4. Congele os lençóis

Coloque os lençóis e fronhas no congelador. Deixe a roupa de cama no frio durante meia hora e depois refaça a cama, deste modo vai criar uma superfície fresca para se dedicar aquelas aventuras mais quentes com o seu parceiro.

Já sabe, o prazer é todo seu...

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba dicas para uma vida melhor!

Moda e Beleza, Férias, Viagens, Hotéis e Restaurantes, Emprego, Espiritualidade, Relações e Sexo, Saúde e Perda de Peso

Obrigado por ter ativado as notificações de Lifestyle ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório