Meteorologia

  • 10 ABRIL 2020
Tempo
18º
MIN 13º MÁX 21º

Edição

Armani vai produzir roupa de proteção para profissionais de saúde

O criador de moda italiano Giorgio Armani anunciou esta quinta-feira que as fábricas que detém em Itália vão começar a produzir roupa de proteção para "os profissionais de saúde envolvidos na luta" contra a pandemia da Covid-19.

Armani vai produzir roupa de proteção para profissionais de saúde
Notícias ao Minuto

19:29 - 26/03/20 por Lusa

Lifestyle Covid-19

Giorgio Armani já tinha doado cerca de dois milhões de euros aos hospitais em Itália, o país do mundo com mais vítimas mortais (8.165) e casos registados de infeção pelo novo coronavírus (80.539 desde o início da crise).

A marca Armani tem sede na cidade de Milão, cuja região (Lombardia) é o epicentro do surto em Itália.

O criador detém atualmente quatro fábricas em Itália, precisou um porta-voz da marca.

A marca tem vindo a deslocalizar uma parte da sua produção para países onde a mão-de-obra é mais barata, referem as agências internacionais.

Várias fábricas do setor têxtil italiano têm reorientado a sua produção, nomeadamente para produzir máscaras de proteção individual.

O novo coronavírus, responsável pela pandemia da covid-19, já infetou mais 480 mil pessoas em todo o mundo, das quais morreram perto de 22.000.

Depois de surgir na China, em dezembro, o surto espalhou-se por todo o mundo, o que levou a Organização Mundial da Saúde (OMS) a declarar uma situação de pandemia, cujo epicentro é atualmente a Europa, que totaliza, até à data, mais de 15 mil vítimas mortais.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba dicas para uma vida melhor!

Moda e Beleza, Férias, Viagens, Hotéis e Restaurantes, Emprego, Espiritualidade, Relações e Sexo, Saúde e Perda de Peso

Obrigado por ter ativado as notificações de Lifestyle ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório