Meteorologia

  • 29 MARçO 2020
Tempo
10º
MIN 9º MÁX 19º

Edição

Por que é tão difícil desfazer as malas após uma viagem

E você, também lhe custa desfazer as malas? Não, está só.

Por que é tão difícil desfazer as malas após uma viagem

Quando o assunto é desfazer as malas após uma viagem, existem somente dois tipos de pessoas: quem chega a casa e resolve o assunto de imediato e quem basicamente se esquece da mala a um canto. Durante, dias, semanas e sim, até meses. Como reporta a publicação Huffpost US.

Mas, afinal por que tantas pessoas se tornam praticamente ‘impotentes’ quando se trata de esvaziar a bagagem?

E como podemos acabar com a procrastinação? O HuffPost conversou com especialistas em viagens e saúde mental para encontrar a resposta. 

Acabou o entusiasmo”

“Quando está a fazer as malas para viajar, a expectativa deixa-o entusiasmado e se calhar até faz uma lista para não se esquecer de tudo o quer levar consigo”, afirma a blogger de viagens e doutorada em psicologia Jessica Norah.

“Porém no regresso, o entusiasmo acabou, e não existe mais um prazo para desfazer as malas”, explica Norah. Trata-se apenas de mais uma obrigação doméstica. 

“Muitas pessoas simplesmente não querem regressar à rotina de lavar a roupa e arrumar as coisas”, diz ela.

Jean Kim, professora assistente de psiquiatria da George Washington University, nos Estados Unidos, sugere que procrastinar é uma tentativa de se ‘agarrar’ ao prazer que sentiu na viagem.

“Pode ser uma maneira de manter aquela sensação de liberdade que sentiu nas férias, fingir que ainda não voltou, em vez de aceitar a rotina do dia-a-dia”, afirma.

Evitar desfazer as malas pode também ser uma forma de negação, diz a psicóloga Tamara McClintock Greenberg.

“A procrastinação acontece quando estamos nervosos com alguma coisa ou temos algum tipo de sentimento negativo relacionado ao que estamos a evitar”, sublinha McClintock Greenberg. “Penso que se trata de uma espécie de luto pelo fim da diversão. Então, neste sentido, não desfazer as malas é uma maneira de manter a viagem ‘viva’ ou uma espécie de negação de que as férias acabaram, embora tal não ajude em nada". 

O que pode fazer?

Abandonar e esquecer-se da mala a um canto não é obviamente um problema grave. Todavia, os especialistas revelaram à Huffpost US algumas dicas que podem acabar com o hábito.

Wolfe Murray recomenda viajar com malas mais pequenas e levar menos coisas. Ele próprio opta por não ter muitas coisas e desfaz as malas aos poucos. 

“Sempre que olho para a minha mala ou mochila, apanho apenas um item, como um par de meias, e coloco no lugar”, diz.

McClintock Greenberg dá outra sugestão que envolve um sistema de recompensa.

“Coloco os souvenirs da viagem no fundo da mala. Quando volto para casa, quero encontrá-los, e para isso tenho de retirar toda a roupa”, refere. A especialista sugere ainda que estabeleça desfazer a mala como um objetivo, e que se dê a si próprio uma recompensa como um chocolate ou um copo de vinho após concluir a tarefa.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba dicas para uma vida melhor!

Moda e Beleza, Férias, Viagens, Hotéis e Restaurantes, Emprego, Espiritualidade, Relações e Sexo, Saúde e Perda de Peso

Obrigado por ter ativado as notificações de Lifestyle ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório