Meteorologia

  • 06 DEZEMBRO 2019
Tempo
11º
MIN 10º MÁX 16º

Edição

Quer ganhar músculo? Então, não tome banho de água fria

A água fria favorece a produção de proteínas cujo objetivo é reduzir o tamanho dos músculos, aponta uma pesquisa australiana.

Quer ganhar músculo? Então, não tome banho de água fria
Notícias ao Minuto

13:00 - 30/09/19 por Liliana Lopes Monteiro  

Lifestyle Ganhar músculo

Se pretende aumentar a massa muscular, o novo estudo publicado no Journal of Applied Physiology sublinha que deve evitar tomar um banho gelado após a prática de exercício físico. Segundo os investigadores, a água fria pode reduzir o crescimento muscular e retardar a recuperação do músculo.

A pesquisa revela que o banho gelado pode desencadear reações metabólicas dentro do corpo que mediante a exposição ao frio acabam por priorizar a retenção de calor em vez de estimular o crescimento de tecidos.

Além disso, a equipa notou que as pessoas que optam por tomar banho de água fria depois do treino apresentam uma maior concentração de proteínas associadas à quebra de tecido. Por este motivo, os cientistas recomendam que quem deseja aumentar os músculos evite o banho gelado após a atividade física, especialmente aqueles que preferem musculação.

Já quem quer apenas fortalecer a musculatura pode continuar com a prática, pois esta não interfere nesse aspeto.

O estudo

Para chegar a este resultado, os cientistas recrutaram 16 homens jovens e saudáveis que praticavam musculação. Antes de começar o estudo, a equipa analisou a força muscular e a composição corporal dos participantes. De seguida, foi-lhes instruído que mantivessem uma rotina de treino de resistência, com supino e flexões, além de aumentar gradualmente a quantidade de peso. Os voluntários exercitaram-se três vezes por semana durante sete semanas.

Com o intuito de compreender os efeitos da água gelada nos músculos, os participantes foram divididos em dois grupos. O primeiro foi orientado a tomar banhos frios após cada treino: a água deveria estar a 10º C e tinham que se manter no chuveiro (ou na banheira) por 15 minutos. Já o segundo recebeu instruções para permanecer sentado durante 15 minutos depois do exercício.

Músculo menor

Os investigadores apuraram que ambos os grupos conseguiram fortalecer os músculos sem qualquer prejuízo. Entretanto, a biópsia dos músculos dos voluntários mostrou que havia algumas diferenças significativas no tecido muscular. 

A primeira diferença foi detetada nas fibras musculares: o aumento no tamanho da fibra foi muito maior entre aqueles que ficaram sentados após cada treino. Os cientistas também notaram que naqueles que tomaram um banho frio registavam-se níveis mais baixos de uma proteína que estimula o crescimento de tecidos ao mesmo tempo em que localizaram quantidades maiores de uma proteína envolvida na quebra do tecido.

“Os músculos daqueles que tomaram banho gelado pareciam ter sido bioquimicamente preparados para uma recuperação mais lenta e menor crescimento em comparação aos outros participantes”, explicou o líder do estudo, o professor Aaron Petersen, da Universidade Victoria.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba dicas para uma vida melhor!

Moda e Beleza, Férias, Viagens, Hotéis e Restaurantes, Emprego, Espiritualidade, Relações e Sexo, Saúde e Perda de Peso

Obrigado por ter ativado as notificações de Lifestyle ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório