Meteorologia

  • 25 JUNHO 2022
Tempo
23º
MIN 15º MÁX 23º

Mulheres que dão à luz à noite têm risco 20% maior de complicações

Estudo sugere que há uma correlação alarmante entre as mudanças de turno e erros que podem colocar a saúde do bebé e da gestante em risco.

Mulheres que dão à luz à noite têm risco 20% maior de complicações

As mulheres que dão à luz em hospitais no período noturno apresentam uma probabilidade 20% maior de sofrerem complicações no parto, revela uma pesquisa alarmante.

Adicionalmente, os partos que ocorrem em épocas festivas como o Natal registam ainda um risco 29% maior de incidentes como o rompimento do útero, histeretomias não planeadas ou a ocorrência de rompimento vaginal de quarto grau – situações estas que requerem intervenções cirúrgicas ou internamento em unidades de terapia intensiva.

Os fins-de-semana também elevam a probabilidade de incidência de complicações em 8,6%.

O estudo publicado por uma equipa de investigadores da Universidade de Colorado State, e divulgado pela publicação Daily Mail, é de acordo com os académicos verdadeiramente preocupante.

Os investigadores avaliaram se as complicações inerentes ao parto variavam conforme este ocorria à noite ou de dia, se aumentavam nos momentos de passagem de turno, nos fins-de-semana e em datas especiais como feriados, Natal ou Ano Novo.

O estudo concluiu ainda que as mães que dão à luz em hospitais universitários apresentam um risco 2,2 vezes maior de complicações, comparativamente a mulheres cujo parto não ocorre nesse tipo de unidades hospitalares.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;

Receba dicas para uma vida melhor!

Moda e Beleza, Férias, Viagens, Hotéis e Restaurantes, Emprego, Espiritualidade, Relações e Sexo, Saúde e Perda de Peso

Obrigado por ter ativado as notificações de Lifestyle ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório