Meteorologia

  • 24 MARçO 2019
Tempo
13º
MIN 12º MÁX 14º

Edição

Realizar estas tarefas domésticas aumenta a expetativa de vida

Lavar pratos, limpar a casa e dobrar roupa são tarefas nem sempre muito agradáveis, mas que segundo um novo estudo aumentam o tempo de vida.

Realizar estas tarefas domésticas aumenta a expetativa de vida
Notícias ao Minuto

14:30 - 22/02/19 por Liliana Lopes Monteiro  

Lifestyle A ciência explica

Uma pesquisa realizada por investigadores da Escola de Medicina da Universidade da Califórnia, em San Diego, nos Estados Unidos, apurou que realizar atividades leves e regulares, como dobrar roupa e limpar a casa pode acarretar benefícios significativos para a saúde, inclusive prolongar a esperança média de vida, segundo informações divulgadas pela publicação Science Daily.

Para o estudo foram consideradas apenas mulheres de idades compreendidas entre os 65 e 99 os anos. As voluntárias foram monitorizadas por cerca de quatro anos e meio, usando durante todo o dia um aparelho de medição denominado de acelerómetro, enquanto realizavam as suas atividades diárias.

Constatou-se que 30 minutos de atividade física leve por dia, diminuiu o risco de mortalidade em 12% das voluntárias, enquanto as que realizaram 30 minutos de atividade moderada, como andar de bicicleta a um ritmo calmo ou caminhada rápida, apresentaram um risco 39% menor.

“Melhorar os níveis de atividade física leve e moderada pode ser quase tão eficaz quanto praticar exercício regular rigoroso de prevenção de doenças crónicas“, disse Andrea LaCroix, PhD, autora sénior do estudo e professora do Departamento de Medicina Familiar e Saúde Pública da UC San Diego. “Não é necessário correr maratonas para nos mantermos saudáveis. O paradigma precisa mudar quando pensamos em ser ativos”.

Muito do que fazemos diariamente pode melhorar a nossa saúde, como caminhar até a caixa de correio, passear pelo bairro, dobrar roupa e arrumar a casa. Atividades como estas são responsáveis por mais de 55% do número de indivíduos mais velhos que são ativos”.

O estudo também descobriu que o benefício da atividade física leve se estendeu a todos os subgrupos examinados, incluindo diferentes origens raciais e étnicas, mulheres obesas e não obesas, mulheres com alta e baixa capacidade funcional e mulheres com idade acima de 80 anos.

“Quando nos levantamos do sofá e da cadeira e nos movemos, estamos a fazer boas escolhas e a contribuir para a nossa saúde”, referiu LaCroix. Então, pense duas vezes antes de se recusar a limpar a casa ou lavar as louça!

O estudo inédito foi publicado no periódico científico Journal of the American Geriatrics Society

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba dicas para uma vida melhor!

Moda e Beleza, Férias, Viagens, Hotéis e Restaurantes, Emprego, Espiritualidade, Relações e Sexo, Saúde e Perda de Peso

Obrigado por ter ativado as notificações de Lifestyle ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório