Meteorologia

  • 22 FEVEREIRO 2019
Tempo
11º
MIN 11º MÁX 11º

Edição

Sete benefícios inesperados de ter uma vida sexual ativa. O prazer é seu

Ter uma vida íntima ativa ajuda a respirar melhor e torna a sua aparência mais jovem... mas as boas notícias não acabam aqui.

Sete benefícios inesperados de ter uma vida sexual ativa. O prazer é seu
Notícias ao Minuto

22:08 - 13/02/19 por Liliana Lopes Monteiro  

Lifestyle Noites 'quentes'

A prática regular de sexo é extremamente benéfica para saúde física e emocional - melhorando o condicionamento físico, a circulação sanguínea e o funcionamento do sistema cardiovascular.

Além disso, o sexo faz com que o organismo liberte endorfinas e oxitocinas na corrente sanguínea gerando bem estar e felicidade. 

Descubra na lista que se segue sete benefícios inesperados de ter uma vida sexual ativa, segundo a publicação Mega Curioso. Diga sim!

1 — Fazer sexo ajuda a respirar melhor

Boa notícia para os asmáticos: fazer sexo é como mergulhar numa piscina de anti-histamínicos, o que, por sua vez, melhora a qualidade da respiração e diminui os efeitos da asma.

2 — Fica com uma aparência mais jovem

Deixe de lado os cremes que prometem rejuvenescer a sua pele e aposte numa sessão longa e quente de sexo. Um estudo que envolveu 3,500 voluntários, com idades entre 18 e 102 anos, descobriu que pessoas que fazem sexo frequentemente têm níveis menores de stress, demonstram um maior contentamento com a vida, dormem melhor e aparentam ser mais jovens do que a sua idade cronológica.

3 — O corpo defende-se melhor de doenças

Manter uma rotina sexual entre uma ou duas vezes por semana aumenta em 30% a produção de imunoglobulina A, que faz com que o sistema imunitário trabalhe mais eficientemente. Mais ainda, já é sabido que uma vida sexual ativa diminui o risco de aparecimento de alguns tipos de cancro, doenças cardíacas e de AVC.

4 — Fazer sexo queima calorias

Cerca de 20 minutos de ação entre os lençóis, queima por volta de 100 calorias. Ginásio para quê?

5 — A dor desaparece

Estímulos vaginais aumentam a tolerância à dor, e estimular o clitóris especificamente é o mesmo do que tomar um analgésico. O que vale sobretudo para cólicas menstruais, dores de artrite e de cabeça.

6 — Fazer sexo com frequência aumenta a expetativa de vida

Um estudo galês revelou que o risco de morte em homens que fazem sexo pelo menos duas vezes por semana é 50% menor em relação aos que não têm uma vida sexual muito ativa.

7 — Aquela sensação de bem-estar vem para ficar

Quando o sexo é bom para todos os envolvidos, o que fica depois do ato é aquela tão conhecida e desejada sensação de felicidade e bem-estar. Uma pesquisa realizada nos Estados Unidos, com mais de 1800 indivíduos, descobriu que o orgasmo promove uma libertação significativa de ocitocina e de endorfinas, que são substâncias sedativas. É por isso que depois do sexo com orgasmo as pessoas tendem a ficar com sono e se sentem bem e relaxadas.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba dicas para uma vida melhor!

Moda e Beleza, Férias, Viagens, Hotéis e Restaurantes, Emprego, Espiritualidade, Relações e Sexo, Saúde e Perda de Peso

Obrigado por ter ativado as notificações de Lifestyle ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório