Meteorologia

  • 15 DEZEMBRO 2018
Tempo
12º
MIN 12º MÁX 12º

Edição

Inovação muda vida de doentes com #Esclerose Múltipla

Novo fármaco para a Esclerose Múltipla disponível para os doentes em Portugal.

Inovação muda vida de doentes com  #Esclerose Múltipla
Notícias ao Minuto

15:30 - 25/09/18 por Liliana Lopes Monteiro  

Lifestyle Descoberta

A Sanofi Genzyme, a unidade de negócios global de cuidados especializados daSanofi, anuncia que o medicamento inovador Alemtuzumab para a esclerose múltipla, já está disponível para os profissionais de saúde e os doentes em Portugal.

O novo fármaco está indicado para o tratamento da esclerose múltipla (EM) forma Surto-Remissão com doença ativa. O Alemtuzumab demonstrou eficácia em doentes que não responderam a outros fármacos disponíveis e também em casos particularmente agressivos da doença.

"Tendo em conta as características da patologia que afeta maioritariamente pessoas em idade ativa, este fármaco vem trazer uma nova esperança aos portadores de esclerose múltipla, às suas famílias e à sociedade em geral. É nosso objetivo investir em inovação que responda a necessidades médicas não satisfeitas para melhorar a qualidade de vida das pessoas”, afirma Francisco del Val, Diretor Geral da Sanofi Portugal e General Manager para a Sanofi Genzyme.

A médica Lívia de Sousa, neurologista do CHUC, mostra-se entusiasmada com a disponibilização do novo fármaco aos doentes portugueses. O “alemtuzumab tem mostrado ser eficaz em casos particularmente agressivos de EM que não responderam a fármacos já disponíveis no mercado português. O carácter heterogéneo da doença faz com que seja imperioso termos várias opções terapêuticas para que cada um dos casos, dependo do estádio e da agressividade da doença, venha a beneficiar com a medicação mais ajustada à sua condição. Assim ficamos bastante satisfeitos com a disponibilização de um medicamento inovador que pode trazer grandes benefícios aos doentes”.

Sobre a Esclerose Múltipla

A EM é uma doença crónica, inflamatória e degenerativa, que afeta o Sistema Nervoso Central (SNC). É uma doença que surge frequentemente entre os 20 e os 40 anos de idade, ou seja, entre os jovens adultos. Afeta com maior incidência as mulheres do que os homens.

Esta patologia é diagnosticada a partir de uma combinação de sintomas e da evolução que a doença apresenta na pessoa afetada, com recurso a exames clínicos/exames complementares de diagnóstico (Ressonância Magnética Nuclear, Estudo de Potenciais Evocados e Punção Lombar).

É muito importante tratar a EM desde os primeiros sintomas, enquanto ainda é possível conter, ou até mesmo em alguns casos, reverter a progressão da incapacidade consequente da doença.

Estima-se que em todo o mundo existam cerca de 2, 5 milhões de pessoas com EM (dados da Organização Mundial da Saúde) e em Portugal mais de oito mil. 

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba dicas para uma vida melhor!

Moda e Beleza, Férias, Viagens, Hotéis e Restaurantes, Emprego, Espiritualidade, Relações e Sexo, Saúde e Perda de Peso

Obrigado por ter ativado as notificações de Lifestyle ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório