Meteorologia

  • 23 SETEMBRO 2018
Tempo
20º
MIN 18º MÁX 22º

Edição

Partir o esparguete de forma perfeita? Houve quem encontrasse a fórmula

A investigação foi avançada por um grupo de estudantes do MIT, mas a conclusão a que chegam não se cinge ao esparguete.

Partir o esparguete de forma perfeita? Houve quem encontrasse a fórmula
Notícias ao Minuto

18:00 - 15/08/18 por Notícias ao Minuto 

Lifestyle Curiosidades

Que nenhum italiano nos leia, que em terras italianas não há quem parta o esparguete para cozer mais rápido, mas atire a primeira pedra quem nunca o fez para bem fechar a panela e deixar os fios de esparguete a cozer de forma mais rápida e despreocupada.

A quem o faz, esporádica ou frequentemente, sabe que é praticamente impossível parti-lo sem que se espalhem vários pedacinhos de massa pela cozinha. Daí a dedicar uma investigação à fórmula que garanta o corte perfeito, vai um grande passo, mas houve quem o desse.

O grupo de investigadores do MIT (Instituto de Tecnologia de Masachussets), que se orgulho do feito, explica que quando duas forças idênticas são aplicadas de cada lado de um fio de esparguete cru o mesmo dobra-se até chegar a um ponto em que, pela falta de flexibilidade, o mesmo irá partir. Após a rutura, cada fio de esparguete volta à sua posição inicial numa velocidade muito rápida e é neste momento que se partem em mais pedaços.

Chegada a esta parte da investigação, os cientistas questionam: haverá então a possibilidade de se aplicar uma força que impeça o movimento ondulatório que quebre o esparguete em mais do que um ponto? É possível, mas talvez não na sua cozinha. Da investigação fez parte a criação de um aparelho onde o esparguete é quebrado e logo após regressa à posição inicial ‘em segurança’. Se para um prato de massa este aparelho tem utilidade quase nula, para o corte de outros materiais de outra dimensão (e interesse, que não a culinária), a descoberta da referida fórmula poderá ser útil.

É pois noutros materiais que a fórmula será aplicada em futuros testes. Para já, os autores da investigação apontam que é aos 270º que a massa que quebra, a uma velocidade de 3 milímetros por segundo.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba dicas para uma vida melhor!

Moda e Beleza, Férias, Viagens, Hotéis e Restaurantes, Emprego, Espiritualidade, Relações e Sexo, Saúde e Perda de Peso

Obrigado por ter ativado as notificações de Lifestyle ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório