Meteorologia

  • 14 AGOSTO 2018
Tempo
23º
MIN 21º MÁX 25º

Edição

Deixar o bebé chorar ou não? Entenda-se o método que divide opiniões

Para uns pais, é uma forma de treinar o sono do bebé, para outros, o método é agressivo para o seu filho, que carece de atenção a qualquer momento.

Deixar o bebé chorar ou não? Entenda-se o método que divide opiniões
Notícias ao Minuto

13:00 - 14/06/18 por Mariana Botelho 

Lifestyle Educação

Dicas e métodos de educação à parte, que são sugeridas por muitos que acham que devem opinar sobre a forma como cada pai educa o seu filho, o método Ferber divide opiniões bastante opostas.

Consiste em não alimentar nem dar colo ao bebé quando chora a meio da noite, para que se habitue a uma noite de sono completa. O método foi inventado pelo pediatra Richard Ferber nos anos 80, após cerca de duas décadas de uma completa análise ao comportamento de sono dos bebés.

A partir dos 3 ou 5 meses de idade, a criança já deve começar a ganhar autonomia para dormir sozinho, para tal, os pais devem preparar o bebé para o sono com um banho relaxante, ambiente calmo e colo materno, antes de o deitarem na sua própria cama, onde deve permanecer por períodos cada vez maiores. Se chorar durante este período, os pais podem acalmá-lo, mas sem lhe dar colo ou de mamar. Com a técnica, espera-se que o bebé se habitue a dormir a noite toda, sem interrupções.

Para alguns pais, o choro vale a pena pelos benefícios a longo termo, que se espera que resulte em noites bem dormidas – principalmente para o bebé mas também para os pais.

O site Parents, especializado em temas de gravidez e maternidade, aborda o tema com o testemunho de pais que testaram o método. Lanette Stewart, mãe de três, deve dois gémeos e passou por uma fase bastante complicada em que se levantava sempre que um dos filhos começava a chorar, para evitar que os outros acordassem. Assim que adotou o método Ferber, admite que a sua vida mudou.

Mesmo que os primeiros dias tenham sido bastante difíceis para esta mãe do Texas, durante os quais não dormia e sofria com o choro dos filhos até terminar o período estipulado pelo método, admite que passados quatro dias sentiu melhorias no sono das crianças, que mantinham um sono constante por períodos cada vez mais longos.

Por outro lado, muitos pais defendem que não vale a pena fazer o bebé sofrer com o método de Ferber. Pelo contrário, deve-se tentar perceber o choro. Foi o caso de Heather Creekmore, que conta atualmente com quatro filhos e, no desespero de não saber o que fazer, optou por experimentar este método de sono com o seu primeiro filho. O que descobriu alguns anos mais tarde foi que o seu primeiro filho sofria de refluxo ácido – uma doença digestiva em que os ácidos no estômago voltam ao esófago, gerando grande desconforto.

A dor e arrependimento de se aperceber que o bebé estava de facto a sofrer e não a chorar apenas por atenção não pagam a tentativa de adoção desta técnica.

Mas há riscos associados?

Sobre esta questão, também as opiniões científicas se opõem. Douglas Teti, professor de desenvolvimento humano aponta que alguns psicólogos defendem que o choro contínuo, sem atenção, tem consequências bastante negativas para o bebé, que se sente sem apoio.

Na visão de Teti, os pais devem responder ao choro do bebé com enfoque em dois fatores: fazer o bebé perceber que tem apoio e garantir que a criança se torna independente no sentido em que consegue dormir uma noite inteira. Para tal, o método de Ferber não deve ser aplicado em bebés com menos de três anos e, ao utilizá-lo devem ter a paciência e calma de fazer uma progressão lenta e adequada à situação de cada bebé. Ainda, garantir que, quando o bebé chora, os pais estão lá, principalmente na fase inicial, para garantir que o filho sente o conforto mesmo sem colo ou alimento.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba dicas para uma vida melhor!

Moda e Beleza, Férias, Viagens, Hotéis e Restaurantes, Emprego, Espiritualidade, Relações e Sexo, Saúde e Perda de Peso

Obrigado por ter ativado as notificações de Lifestyle ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório

Os cookies ajudam-nos a melhorar a sua experiência como utilizador.

Ao utilizar o nosso website, está a aceitar o uso de cookies e a concordar com a nossa política de utilização.