Adam Levine acusado de abuso sexual da filha, polícia desmente

Segundo o site TMZ, o caso já foi investigado e a polícia concluiu que a denúncia não tinha fundamento.

© DR
Fama Cantor

O vocalista dos Maroon 5, Adam Levine, passou por uma situação complicada esta semana.

PUB

Isto porque a polícia de Los Angeles recebeu uma denúncia anónima na quarta-feira passada, que acusava o cantor de ter abusado sexualmente da filha recém-nascida.

Segundo o TMZ, a mesma denúncia acusava Adam Levine de ter também batido na bebé, Dusty, também filha da top model Behati Prinsloo, nascida há menos de um mês.

A Polícia de Los Angeles investigou o caso e concluiu que a denúncia não tinha fundamento.

A casa do cantor foi alvo de buscas, a família interrogada e a bebé vista por um médico, que garantiu que esta não apresentava indícios de quaisquer agressões físicas ou sexuais.

A polícia encerrou o caso alegando que as informações são falsas. Adam agradeceu e disse ter ficado aliviado pela verdade ter subsistido.

COMENTÁRIOS REGRAS DE CONDUTA DOS COMENTÁRIOS