Meteorologia

  • 17 JUNHO 2024
Tempo
21º
MIN 16º MÁX 22º

Morreu Françoise Hardy, que pediu a Macron a legalização da eutanásia

A cantora francesa tinha 80 anos e sofria de um cancro na faringe.

Morreu Françoise Hardy, que pediu a Macron a legalização da eutanásia
Notícias ao Minuto

22:49 - 11/06/24 por Notícias ao Minuto

Fama Cantora

A cantora francesa Françoise Hardy morreu esta quinta-feira, dia 11 de junho, aos 80 anos. A notícia foi confirmada pelo filho da artista, Thomas Dutronc.

Françoise sofria de um cancro na faringe há vários anos e já há muito que pedia a legalização da morte medicamente assistida em França, para que pudesse ter um fim de vida mais tranquilo, uma vez que a própria referia que se encontrava em grande sofrimento.

No final do ano passado escreveu uma carta a Emmanuel Macron na qual pedia a legalização da eutanásia, dizendo que vivia "um pesadelo" do qual queria sair "em breve e da forma mais rápida possível".

Não foi, no entanto, avançada a causa da morte. 

De recordar que Françoise Hardy tornou-se bastante popular na década de 1960, tendo sido uma das maiores representantes do yé-yé francês, um estilo de música pop que surgiu nessa altura em países como França, Itália, Espanha e Portugal.

Françoise Hardy ficou especialmente conhecida por músicas como 'Tous les garçons et les filles', lançada em 1962, ou 'Comment te dire adieu', de 1968.

Leia Também: Morreu Ben Potter, youtuber seguido por milhões. Tinha 40 anos

Recomendados para si

;

Receba as notícias dos famosos, realeza, moda e as mulheres mais elegantes.

O mundo das celebridades com fotos, vídeos e noticias de atores, atrizes e famosos.

Obrigado por ter ativado as notificações de Fama ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório