Meteorologia

  • 30 SETEMBRO 2022
Tempo
16º
MIN 14º MÁX 23º

"Vivemos a fase profissional mais difícil dos dois, em conjunto"

Maria Cerqueira Gomes soube conquistar o público, embora não tenha sido fácil. Em entrevista ao Fama ao Minuto recordou o 'Você na TV', que apresentou ao lado de Manuel Luís Goucha, e falou-nos da família, de quem agora está muito mais próxima.

"Vivemos a fase profissional mais difícil dos dois, em conjunto"

O norte de Portugal já sabia de que fibra era feita Maria Cerqueira Gomes. Para o resto do país, não foi preciso muito tempo para que ficassem a saber o mesmo. Chegou com o peso - enorme, diga-se - de substituir Cristina Ferreira. As comparações, inevitáveis, deram lugar, com o tempo, a muitos elogios porque, acima de tudo, Maria quis sempre ser apenas ela própria.

Entrou pela porta grande dos estúdios da TVI em 2018, numa altura em que o canal procurava recuperar da saída da sua maior estrela. Foi sempre de sorriso no rosto que, independentemente das críticas dos primeiros tempos, assumiu o 'Você na TV' ao lado de Manuel Luís Goucha.

Agora, vive tempos felizes neste mesmo canal. Com o fim do programa das manhãs chegaram outras oportunidades. É uma das entrevistadoras do 'Conta-me', assume semanalmente o 'Em Família' e há muito pouco tempo encantou com 'Uma Canção Para Ti'. É adorada pelo público que, cada vez mais, está rendido a esta mulher do Norte que na sua simplicidade encontrou forma de brilhar.

Em entrevista ao Fama ao Minuto, Maria assumiu-me feliz e realizada. Sobre o amor, como é seu apanágio, nada quis dizer, mas abriu-nos o coração para falar dos filhos e da sua nova fase profissional.

De estrela do Norte a estrela do país inteiro. Alguma vez sonhou com tudo aquilo que a vida lhe tem dado?

Mais que sonhado, tenho trabalhado para tudo o que a vida me tem dado. Não foi fácil, não foi sempre linear nem sempre a crescer, mas acho que soube ultrapassar os momentos mais difíceis para depois ter força também para estar onde estou. 

Vivemos a fase profissional, acho que mais difícil dos dois, em conjunto, não foi fácil

Voltou aos domingos da TVI mas com um formato totalmente diferente, uma nova fase da sua vida profissional. O que significou voltar a trabalhar com Manuel Luís Goucha?

Este programa era um programa que sabia que ia ser muito especial. Já o era para o Manuel Luís Goucha e trabalhar com ele acho que era importante quer para mim, quer para ele. Vivemos a fase profissional, acho que mais difícil dos dois, em conjunto, não foi fácil. E precisávamos deste miminho para aproveitarmos e saborearmos o bom que é fazer televisão. Acho que 'Uma Canção Para Ti' foi o verdadeiro presente. 

Para si, que adora crianças, foi especial apresentar um programa rodeada delas?

Sim, foi muito especial. Foi também difícil. Não consigo, muitas vezes, separar a razão do coração. Vivo muito intensamente. Mas eu e o Manuel, é engraçado que temos os dois relações com as crianças mas muito diferentes e tem sido muito importante. Complementamos o nosso papel junto daqueles miúdos. 

Qual a maior diferença que sente entre a apresentação de programas diários e semanais?

Acho que é o sabor. Um programa semanal dá para aproveitar, saborear, para ler melhor aquele alinhamento, perceber como é que vou construir as horas que estou em direto. Um programa diário é uma coisa mais imediata, direta e rotineira. Estou a gostar muito destes formatos.

Primeiro não sei se saí adorada pelo público. Foi um momento muito complicado. E claro que aceitaria de novo
No 'Em Família' volta a conduzir um formato divertido com conversa. Como é trabalhar com o Ruben Rua, o que lhe acrescenta?

O que tem sido bom é perceber quem temos ao lado e construir o melhor com as nossas personalidades. E foi isso que fizemos, quer eu quer o Ruben conseguimos perceber quais eram os nossos pontos fortes, trabalhá-los e montar um programa que eu acho que funciona muito bem. Acho que temos uma belíssima química mas também foi construída, tivemos tempo para isso, já estamos há um ano e tal no ar. E, muitas vezes, fazer um programa em dupla é isso: é tempo, é construção é perceber como podemos ser melhor, é construir um programa, é identidade. E tivemos tempo para fazer isso tudo, os dois. 

O 'Em Família' tem também estado no 'centro das atenções' por causa do processo da ERC contra o programa. Como tem acompanhado?

Não acompanho.

Apesar do início atribulado, saiu do ‘Você na TV’ adorada pelo público. Se o tempo voltasse atrás, aceitaria de novo esse convite?

Primeiro não sei se saí adorada pelo público. Foi um momento muito complicado. E claro que aceitaria de novo! Nunca olho para os momentos complicados como uma coisa má ou como algo que eu não voltasse a fazer, porque daquilo que correu mal foi importante para eu crescer e para estar onde estou hoje. Por isso, claro que sim, teria aproveitado e teria aceitado o convite. Foi muito importante. 

Durante o período em que assumiu o programa da manhã foi obrigada a ficar afastada da tua família. Sente que já conseguiu recuperar todo o tempo que não passou com os seus filhos?

O tempo com os filhos nunca é demais e nunca chega. Mas sim, acho que ao longo deste meses e anos que voltei para o Porto tenho conseguido equilibrar e conciliar muito melhor a minha vida pessoal e profissional. Foi com esse objetivo também que tomei esta decisão. 

Por que é tão importante para si manter grande parte do que se passa na sua vida em privado?

Porque é a minha vida e não é a vida de toda a gente. É mais que legítimo e de direito isso. 

Acho que daqui a 10 anos é boa hora para já estar retirada e aproveitar outras coisasA sua filha Francisca continua a dar cartas no mundo da moda. Como tem visto as suas conquistas? 

A minha filha está numa fase muito boa da vida dela, a aproveitar o trabalho que tem, aproveitar para fazer muitas viagens e tem sido muito bom porque ela tem conquistado a independência dela. E acho que é por aí que nós pais os educamos.

E o pequeno João, já lhe disse o que quer ser quando for grande?

O João ainda não sabe, mas ele gosta de palco. Adora! 

Com quem gostava de trabalhar e ainda não foi possível?

Tenho trabalhado com muita gente na TVI, tenho tido essa oportunidade e gosto de trabalhar com todos. Portanto, não me posso queixar de todo. 

Já se encontrou de novo com o amor? Se não, como se sente em relação a isso?

Eu não falo de amor.

Onde e como se vê daqui a 10 anos?

Provavelmente já longe da televisão, não me vejo a ver TV para sempre. Acho que daqui a 10 anos é boa hora para já estar retirada e aproveitar outras coisas, mas ainda faltam muitos desafios que quero cumprir na área de televisão.

Leia Também: Maria Cerqueira Gomes admite só agora ter tido uma dupla feliz com Goucha

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;

Receba as notícias dos famosos, realeza, moda e as mulheres mais elegantes.

O mundo das celebridades com fotos, vídeos e noticias de atores, atrizes e famosos.

Obrigado por ter ativado as notificações de Fama ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório