Meteorologia

  • 25 JULHO 2021
Tempo
27º
MIN 18º MÁX 27º

Edição

"Esta 'neutralidade' não só não me representa como me envergonha"

Carolina Deslandes reage ao facto de Portugal não ter assinado a carta sobre direitos LGBT.

"Esta 'neutralidade' não só não me representa como me envergonha"

"<span class="news_bold">Quando quem tem poder de mudança se abstém, não está a ser neutro". Foi desta forma que Carolina Deslandes começou por reagir à notícia de que Portugal não subscreveu uma carta assinada por 13 Estados-membros sobre os direitos LGBT na Hungria devido ao "dever de neutralidade".

"Está a escolher a discriminação, o ataque, está a perpetuar a perseguição e, acima de tudo, a permitir que o amor tenha imposições, barreiras e limites. Quando não nos insurgimos e não nos juntamos a uma luta como esta, somos o rosto da vergonha", acrescentou de seguida a cantora numa publicação que fez no Instagram, esta quarta-feira. 

"As pessoas da comunidade LGBT continuam a ser perseguidas no mundo, mortas, excluídas, continuam a levantar-se vozes que querem fazer com que os seus membros sintam que têm algo de errado. Não há como ser neutro. Esta 'neutralidade' não só não me representa como me envergonha", completou. 

Leia Também: Portugal não assinou carta sobre direitos LGBT? Sofia Aparício reage

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as notícias dos famosos, realeza, moda e as mulheres mais elegantes.

O mundo das celebridades com fotos, vídeos e noticias de atores, atrizes e famosos.

Obrigado por ter ativado as notificações de Fama ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório